Vacinas para crianças chegam no ES na sexta-feira; Vitória, Cariacica e Vila Velha vão abrir agendamento

Geral

Vacinas para crianças chegam no ES na sexta-feira; Vitória, Cariacica e Vila Velha vão abrir agendamento

O imunizante contra covid-19 será aplicado em crianças de 5 a 11 anos. A prioridade será para quem tem comorbidades, sem a exigência de prescrição médica

Redação Folha Vitória

Redação Folha Vitória
Foto: Reprodução/ Latam
Vacinas já estão no avião que chegará ao Espírito Santo à 0h15 desta sexta-feira

As vacinas para prevenção à covid-19 para crianças entre 5 e 11 anos chegam ao Espírito Santo na madrugada desta sexta-feira (14). A previsão é que o avião com os imunizantes pouse no Aeroporto de Vitória à 0h15, conforme informações da Latam Brasil. 

Segundo a empresa aérea, o primeiro lote das doses pediátricas estará no voo LA4538, que sairá do Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, às 22h45. 

Com isso, as prefeituras de Vitória, Cariacica e de Vila Velha já estão se preparando para o agendamento online.  

A  Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) informou que a prioridade de imunização será para crianças com comorbidades, sem a exigência de prescrição médica. Quanto à exigência de laudo relacionado às comorbidades, a secretaria não informou se haverá necessidade de apresentá-lo até a publicação desta reportagem. Assim que recebermos o retorno, a matéria será atualizada.

Vitória

A Prefeitura da Capital informou que está preparada para realizar a vacinação de crianças com idade entre 5 e menores de 12 anos, imediatamente após o recebimento das doses, e que vai abrir agendamento online para a imunização desse grupo.

O planejamento da vacinação depende do quantitativo de doses que o município irá receber. Até o momento, não há essa informação.

A Secretaria de Saúde de Vitória  informou que aguarda a publicação da resolução do Estado com as orientações sobre a vacinação nesse público.

Para a vacinação os pais ou responsáveis devem levar a caderneta de vacinação e Cartão SUS ou CPF da criança. Quem testou positivo para Covid-19 deve aguardar 30 dias para receber a dose da vacina e, caso tenha sintomas gripais, deve aguardar o fim dos sintomas para se imunizar.

A prefeitura acrescentou que a Secretaria Municipal de Saúde possui uma estrutura completa nos mais diversos formatos, como a imunização em 28 salas de vacinação das unidades de saúde e vacinação em horários estendidos.

Cariacica

Para vacinar as crianças, a prefeitura de Cariacica informou que, assim que receber as doses destinadas às crianças, iniciará a aplicação, que será feita mediante agendamento.

Vila Velha

A prefeitura de Vila Velha disse que está aguardando o repasse das vacinas para iniciar as imunizações. Os pais e/ou responsáveis deverão levar os cartões de vacina das crianças, porque o intervalo de qualquer vacina de rotina tem que obedecer 15 dias para vacinação contra covid-19. 

O município vai realizar o agendamento online para as crianças, uma vez que ainda não sabe o número de doses que receberá do Estado.

Primeiro lote

O primeiro lote da vacina pediátrica da Pfizer, com 1,2 milhão de doses, chegou ao Brasil na madrugada desta quinta-feira (13). O imunizante será aplicado em crianças de 5 a 11 anos, incluídas no PNO (Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19).

O lote desembarcou por volta das 4h40, no Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP). A distribuição das doses por estados e Distrito Federal, coordenada pelo Ministério da Saúde, seguirá o critério populacional (de acordo com a faixa etária).

Segundo a definição do Ministério da Saúde, o Espírito Santo deve receber 1,93% das doses deste primeiro lote, o que resulta em pouco mais de 24 mil doses. Em todo o Sudeste, serão com 39,18% do total. O estado de São Paulo, o mais populoso do Brasil, terá 20,73% dos imunizantes.

A expectativa é que sejam entregues 4,3 milhões de doses pediátricas no mês de janeiro em todo o país, mais 7,2 milhões em fevereiro e 8,4 milhões em março. Para as crianças, o esquema vacinal prevê duas doses com intervalo de oito semanas.

O imunizante é o único até agora aprovado pela Anvisa (Agência de Vigilância Sanitária) para aplicação nesse público. A CoronaVac ainda aguarda aprovação da agência. 

LEIA TAMBÉM: 

>> Viana Vacinada: cidade realiza Dia D com nova aplicação de meia dose neste domingo

>> ES deve receber 24 mil doses do primeiro lote da vacina contra covid-19 para crianças

Vacinados

No Estado, 75% dos capixabas receberam a primeira dose da vacina, 66% a segunda, 2% a dose única e 20% a dose de reforço. No entanto, 450 mil pessoas estão com o esquema vacinal atrasado.

Sobre a hospitalização por Covid-19 no Espírito Santo, pacientes com menos de 60 anos não vacinados representam 75% dos internados na UTI e enfermarias do Espírito Santo.

*Com informações de Luana Damasceno e Portal R7