Dez minutos de exercícios por dia são suficientes para deixar de ser sedentário, diz especialista

Saúde

Dez minutos de exercícios por dia são suficientes para deixar de ser sedentário, diz especialista

Fisiologista do esporte explica que simples mudanças de hábitos promovem benefícios à saúde; conheça!

Foto: Re´produção / Blog Corrida de Rua

A associação entre o sedentarismo e o desenvolvimento de diversas doenças está comprovada. No entanto, uma parcela da população considerada sedentária vem aumentado. De acordo com um levantamento do Ministério do Esporte, mais de 45% dos brasileiros são sedentários, o que representa 67 milhões de pessoas em todo o país. 

O índice entre as mulheres, de acordo com a pesquisa, é maior do que entre os homens, 50,4% contra 41,2%. A situação é alarmante e resulta de uma mudança comportamental e social impulsionada por avanços tecnológicos. 

O impacto negativo na saúde e na qualidade de vida é percebido com a incidência e a prevalência de doenças como diabetes, estresse, obesidade e problemas cardiovasculares. O ideal, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), é praticar cerca de 30 minutos de atividade física diariamente.

Para o fisiologista do esporte do HCor, Diego Leite de Barros, se falta tempo para se exercitar, vale fazer pequenas mudanças no dia a dia, como trocar o elevador pela escada, ir caminhando ao trabalho, sempre que possível. "Uma dica básica para começar é observar atitudes simples que podem ser transformadas em mais movimento. Uma atividade diária de 10 minutos já é suficientemente capaz de promover benefícios à saúde".

Adeus, preguiça!

Antes de dar aquele adeus à preguiça e ao sofá, é importante fazer um check-up e se certificar que a saúde está em dia. Uma avaliação física completa envolve exames clínicos e físicos, como teste ergométrico e eletrocardiograma. Com uma boa orientação médica, é possível saber os limites que se pode atingir, sem correr riscos. "Os resultados permitem que o médico conheça o nível de condicionamento físico do paciente e qual o plano de exercício mais adequado para seu objetivo", explica o fisiologista.

A queridinha dos iniciantes é, sem dúvida, a caminhada. Cerca de 30 minutos diários é o suficiente para dar aquele up que o corpo precisa: "Depois de apenas uma semana, já é possível observar mudanças significativas no corpo, além de melhorar a circulação, combater a osteoporose, melhorar a respiração e a qualidade do sono. Não importa a atividade escolhida, o mais importante, na verdade, é que as pessoas tenham a consciência de que passar mais tempo sentado faz tão mal para a saúde quanto fumar ou se alimentar mal", aconselha Diego.

Confira algumas dicas para se manter mais ativo

- Caminhe nos locais próximos de sua casa, como padarias, mercados e lojas;

- Levante-se para falar com seus colegas de trabalho ao invés de mandar e-mails;

- Troque as escadas rolantes pelas escadas;

- Dê passeios mais longos com seu cão, isso fará bem aos dois;

- Descubra uma atividade física que ofereça prazer e pratique-a com regularidade;

- Faça uma pausa durante o dia para andar e incentive seus colegas do trabalho a adotar rotinas de exercícios laborais.