Entenda como o Passaporte da Vacina vai funcionar no ES

Saúde

Entenda como o Passaporte da Vacina vai funcionar no ES

Estado vai monitorar todas as pessoas que frequentarem os eventos e avisar por SMS caso alguém teste positivo para a doença

Bianca Santana Vailant

Redação Folha Vitória
Foto: Fabio Rodrigues-Pozzebom/Agência Brasil

O Portal Vacina e Confia será utilizado para fiscalizar os eventos no Espírito Santo. A informação foi passada pelo secretário estadual de saúde, Nésio Fernandes, durante uma entrevista ao vivo para o telejornal Espírito Santo no Ar, da TV Vitória/RecordTV.

"A plataforma também terá um módulo de cadastro de eventos, onde promotores poderão usar o espaço para consultar e registrar todos os participantes dessas atividades porque nós queremos ter também uma ferramenta de controle epidemiológico", disse o secretário.

O objetivo, segundo Nésio, é que seja possível monitorar todas as pessoas que estiverem no evento.

"Nós iremos monitorar as pessoas que participaram dos eventos nos dias seguintes, para que se alguém tenha testado positivo para a covid-19, nós enviemos um SMS para todas as pessoas que participaram desse evento para que monitorarem seus sintomas e testar contra a covid-19", afirmou. 

Como vai funcionar a fiscalização?

A fiscalização, de acordo com o secretário, ficará à cargo do município e também do Estado. "As vigilâncias sanitárias municipais, o Estado, junto com o Corpo  de Bombeiros, também têm um grupo que atua na fiscalização desses eventos", disse. 

Já com relação aos grandes eventos, Nésio explicou que o trabalho começa antes, no momento da emissão dos alvarás. "Nas emissões dos alvarás, das documentações, já será exigido a metodologia pelo qual o evento irá exigir o comprovante de vacinação", afirmou o secretário.

Objetivo é garantir mais segurança aos capixabas, diz secretário

De acordo com o secretário de Saúde, o Passaporte de Vacina foi instituído com o objetivo de tornar as atividades mais seguras para os capixabas. 

"O que nós queremos é garantir à população que em atividades de aglomeração, onde há interação entre as pessoas, consumo de bebidas, dança, tenha somente a participação de pessoas que foram imunizadas, que é uma decisão que diminui o risco de transmissão", disse. 

Nésio reforçou ainda que aqueles que não estão imunizados representam um risco para as demais.

"As pessoas que não estão imunizadas têm um risco de contágio muito maior, um risco de evoluir para um estado grave muito maior do que os que estão imunizados e são transmissores de maior potencial, isso representa um risco para as outras vidas e, por isso, o passaporte será exigido para as atividades de entretenimento", finalizou

Veja também: Passaporte da vacina no ES: veja o passo a passo para conseguir

Veja quando o Passaporte da Vacina será exigido no ES

Para que o capixaba possa frequentar shows, bares, eventos esportivos e boates, será necessária a apresentação do chamado passaporte da vacina. De acordo com o secretário estadual de saúde, Nésio Fernandes, "o governo do Estado do ES está normatizando a exigência do passaporte da vacina principalmente para às atividades ligadas ao entretenimento".

Durante uma entrevista ao vivo para o telejornal Espírito Santo no Ar, da TV Vitória/Record TV, Nésio explicou em que situações o passaporte será exigido.

"Os shows, eventos esportivos, os bares que possuam musica ao vivo e pista dançante - que serão equiparados também à boates. Para essas atividades será exigido o esquema de vacinação completo. Aqueles que estejam com o esquema atrasado ou ausentes da segunda dose, também serão vedados à entrada nesses eventos", disse.

Veja abaixo como saber se você está com a segunda dose da vacina em atraso:

Comprovante de vacinação: O método mais rápido para saber os prazos de vacinação é conferir o cartão de vacinação - documento entregue no dia da imunização.

No Espírito Santo, os intervalos entre doses das vacinas da Pfizer e da AstraZeneca são de 8 semanas, ou seja, 56 dias. Já no caso da CoronaVac, são 28 dias. Basta então calcular estre prazo considerando o dia de aplicação da primeira dose.

Portal Vacina e Confia: Uma outra alternativa é acessar o site Vacina e Confia. O acesso é muito simples. Basta digitar www.vacinaeconfia.es.gov.br no seu navegador, clicar no ícone "cidadão" e preencher o campo com o seu CPF. Para quem ainda não está cadastrado, basta fornecer as informações solicitadas.

Já no site, na aba "vacinas" é possível conferir informações como data de aplicação da 1º dose e previsão para aplicação da segunda. 

Leia mais: Veja quais documentos serão aceitos como Passaporte da Vacina no ES