Musculação é tratamento para a osteoporose na terceira idade

Saúde

Musculação é tratamento para a osteoporose na terceira idade

Idoso, de 86 anos pratica musculação há um ano e meio e levanta mais de 20 KG na academia

Foto: Pixabay
Musculação é recomendada para homens e mulheres na terceira idade e previne a osteoporose. 

A atividade física é recomendada para todos. Traz benefícios para a saúde física e mental, no entanto, a Organização Mundial da Saúde (OMS) alerta que apenas 27% da população mundial pratica algum exercício físico. No Brasil, 47% das pessoas não se exercitam regularmente e o número de inatividade cresce a cada ano. 

E quando o assunto é exercício físico e musculação na terceira idade, muitas dúvidas começam a surgir. Isso porque, com o passar dos anos, é natural que haja diminuição de importantes capacidades funcionais do corpo: os músculos enfraquecem, a resistência diminui, o equilíbrio e a postura já não são mais os mesmos, a densidade óssea é reduzida e o metabolismo fica mais lento. 

Contudo, a prática diária da atividade física não é só recomendada para os idosos como essencial para a prevenção e cura de doenças. O professor de educação física, Lúcio Duarte, atua na área há oito anos e comenta que a musculação é uma atividade muito importante na terceira idade. "Ela previne osteoporose, enrijece os músculos protegendo os ossos, fortalece o ganho de massa magra, previne a pressão alta, sendo muito importante para a saúde do coração".

Atividade física na terceira idade

E quem é um exemplo para muitos outros idosos, é o Wilson Souza, de 86 anos, que procurou uma academia, em Santa Mônica, há um ano e meio para praticar atividade física. "Ele nos procurou para curar uma contusão muscular, estava com um problema de inflamação no nervo ciático. Ficou por muito tempo usando a cadeira de rodas devido a dor e após começar a praticar a musculação conseguiu se curar", explicou o educador físico, Lúcio Duarte. 

"Hoje, o Wilson levanta pesos acima de 15 quilos, mas ele tem preparo físico para isso. Além do fortalecimento dos músculos, ele ganhou massa magra, melhorou a circulação e a pressão. Os médicos se impressionaram com a melhoria dos exames", comentou Lúcio. 

Wilson chegou a jogar profissionalmente futebol, em um clube do Espírito Santo quando era adolescente. Com a chegada da terceira idade e por não praticar os exercícios físicos, as dores começaram a surgir. Mas, teve iniciativa em mudar o estilo de vida e hoje esbanja saúde. 

Outros benefícios da atividade física 

O profissional de educação física, Lúcio Duarte também comenta que a atividade física além de trazer melhorias para o corpo, ela traz benefícios para a pele e a autoestima. "Muitos idosos acreditam estar limitados a prática do exercício físico. É comum ver o público da terceira idade isolado da sociedade e com sentimento de incapacidade. Nós profissionais da saúde precisamos incentiva-los e mostrar que a idade não é fator limitante para nada. Ele pode fazer exercício, ele pode praticar a musculação. Os exames médicos devem ser exigidos antes de dar incio a prática, é preciso checar o coração, a pressão, mas quando estão liberados pelo médico e aptos a praticarem atividade física, é só estudar o melhor tipo de exercício para cada um, dosar a atividade e o resultado de sucesso, como o do Wilson, é certo".

Abaixo você confere um vídeo, gravado pelo professor de educação física, Lúcio Duarte, do Wilson Souza, praticando a musculação. 

Alguns pesos levantado por Wilson

Exercício com a rosca direta: 10 KG total;

Exercício com supino reto: 30 KG total;

Exercício no voador: 30 KG total. 




Pontos moeda