Forbes, do BoE, não vê necessidade de novos estímulos econômicos no Reino Unido

Economia

Forbes, do BoE, não vê necessidade de novos estímulos econômicos no Reino Unido

Redação Folha Vitória

Londres - A integrante do comitê de política monetária do Banco da Inglaterra (BoE), Kristin Forbes, afirma que o país não precisa de novos estímulos após a série de dados econômicos melhores que o esperado divulgados nas últimas semanas.

Os comentários fazem parte do discurso que a dirigente, que também foi conselheira econômica do ex-presidente George W. Bush, preparou para um evento nesta quinta-feira, no Imperial College.

"Olhando adiante, ainda não estou convencida de que novas medidas de relaxamento monetário serão necessárias para apoiar a economia", diz o documento.

A posição de Forbes não é uma surpresa. Embora ela tenha apoiado o corte de juros em agosto, a dirigente votou contra alguns aspectos do pacote de estímulos do BoE, argumentando que era muito cedo para saber como a economia seria afetada pelo resultado do plebiscito de junho. Fonte: Dow Jones Newswires.