De fogão sujo a tipo de panela: veja os vilões do gás de cozinha e saiba economizar

Economia

De fogão sujo a tipo de panela: veja os vilões do gás de cozinha e saiba economizar

Quem cozinha os próprios alimentos em casa não tem para onde correr: ou gasta com gás ou com equipamentos elétricos, o que impacta na conta de luz

Iures Wagmaker

Redação Folha Vitória
Foto: Divulgação

Na última semana de outubro, a botija do gás de cozinha foi comercializada entre R$ 75,99 e R$ 110 no Espírito Santo. Os dados são do levantamento semanal realizado pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Levando em consideração o valor mais alto, que foi encontrado no município da Serra, o consumidor precisa desembolsar 10% do salário mínimo para a compra de uma botija. A duração de cada botijão é relativa, e depende do consumo de cada família. 

O produto é um item essencial para a alimentação. Mesmo aqueles que fazem a opção de comer em restaurantes, os valores das refeições sofrem o impacto da alta. Para quem cozinha os próprios alimentos em casa não tem para onde correr: ou gasta com gás ou com equipamentos elétricos, impactando a conta de luz.

Leia também: Veja 15 dicas para gastar menos no supermercado

No entanto, economizar é possível e, mais do que nunca, necessário. Segundo o economista e conselheiro do Conselho Regional de Economia do Espírito Santo, Sebastião Demuner, o custo pode interferir nos gastos mensais de uma família.

"O gasto do gás em casa depende de cada caso, do tipo de comida que é feito. Ele interfere muito mais em famílias de classe baixa do que na classe média e isso acaba sacrificando as pessoas mais humildes", disse.

Demuner destaca que algumas dicas podem colaborar para economizar até 20% do gás. Para ele, interferem no gasto o tipo de panela utilizada, a limpeza e, até mesmo, a forma de cozinhar os alimentos.

"Cortar pedaços menores de carne, não abrir o forno com frequência. Isso ajuda a ter cerca de 20% de economia no consumo de gás", afirmou.

Reunindo dicas do economista e de sites especializados no consumo de gás de cozinha, o jornal online Folha Vitória listou 10 dicas para te ajudar a economizar na hora de cozinhar. Confira abaixo:

1. Evite abrir o forno

Ao abrir o forno, a temperatura demora mais para voltar à ideal e, assim, gasta mais gás. Sim, muitas vezes é difícil resistir à tentação de abrir para saber como está o alimento, mas vale controlar a ansiedade para economizar.

2. Planeje suas refeições

Reserve um dia para planejar e cozinhar as refeições para a semana toda. Isso diminui o tempo de uso do fogão e economiza gás.

3. Mantenha o fogão limpo

A chama do fogão está laranja ou amarelada? É sinal de que as bocas estão sujas ou com mau funcionamento. Nesses casos, o fogão precisa se esforçar mais para dar conta, gastando mais gás.

4. Panela de pressão cozinha mais rápido

Temida por muitos, a panela de pressão é uma aliada na cozinha, pois os alimentos ficam prontos em menos tempo. Outra dica é deixar grãos, como o feijão, de molho por algumas horas antes de cozinhar. Eles vão ficar mais macios e cozidos ainda mais rápido.

5. Evite o vento o fogão

Janelas em cozinhas, que permitem a passagem de vento diretamente para o fogão, valem ficar fechadas enquanto se cozinha. O vento diminui a potência das chamas do fogão e exigem mais tempo para que a panela atinja a temperatura ideal.

6. Bicos devem ser sempre limpos

Fogão mais velho pode ter bicos entupidos e dificuldade de acender as chamas. Isso facilita o escapamento de gás. Além de gastar mais do que o necessário, o escape do gás pode colocar a sua segurança em risco.

7. Cozimento à vapor

Que tal aproveitar o cozimento de um alimento que está na panela para colocar uma escorredeira metálica em cima e já cozinhar outros alimentos no vapor, como os legumes? Assim, você gasta a mesma quantidade de gás para cozinhar uma quantidade muito maior de alimentos!

8. Use bocas do fogão adequadas

Panela pequena em uma boca grande é desperdício de gás. Evite, a menos que esteja com muita pressa. Caso contrário, deixe panelas menores em bocas menores.

9. Tampe as panelas

Panelas tampadas aproveitam mais a chama e cozinham mais rápido, isso porque o calor não se dissipa para o ar. 

10. Corte os alimentos em pedaços menores

O tempo de uso é determinante para a economia de gás. Por isso, quanto menor o corte do alimento, menos tempo ele levará para ser cozido.