• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Georgeval e Juliana são ouvidos hoje em nova audiência do caso Kauã e Joaquim, em Linhares

Morte irmãos carbonizados

Polícia

Georgeval e Juliana são ouvidos hoje em nova audiência do caso Kauã e Joaquim, em Linhares

Além dos réus, três testemunhas serão ouvidas na audiência desta terça-feira (19)

Foto: Divulgação


A quinta audiência do caso dos irmãos Kauã e Joaquim, que foram mortos em Linhares em abril do ano passado, teve início na manhã desta terça-feira (19), no fórum Desembragador Mendes Wanderley, em Linhares, às 9h.

Os réus Georgeval Alves, pai e padrasto das vítimas, e Juliana Salles, mãe dos meninos, são réus na audiência e chegaram no fórum no início da manhã. Eles e outras três testemunhas serão ouvidos pelo juiz.

Georgeval, que é acusado por agredir, estuprar e matar os meninos, chegou ao fórum em uma viatura da Secretaria de Estado de Justiça (Sejus). Juliana, que responde pelo crime de omissão em liberdade, desde o dia 30 de janeiro, chegou ao local na presença dos advogados.

O pai do Kauã, Rainy Butkowsky, e outros familiares da vítima, realizam um protesto contra os réus, em frente ao tribunal. Ao chegar no Fórum, dentro de uma viatura da Polícia, Georgeval ouviu gritos de "Assassino", feito por manifestantes que estavam na porta do tribunal.