14 armas são apreendidas e 11 pessoas são presas durante operação na Grande Vitória

Polícia

14 armas são apreendidas e 11 pessoas são presas durante operação na Grande Vitória

Um adolescente foi apreendido e com ele os policiais encontraram uma arma de fabricação caseira

Foto: Reprodução / TV Vitória

Uma operação da Polícia Civil apreendeu 14 armas e prendeu 11 pessoas na Grande Vitória. Nesta quinta-feira (08) um homem foi detido e um adolescente de 17 anos foi apreendido. Eles são suspeitos de cometer um roubo no Centro de Vitória no mês de junho.

O assalto cometido pela dupla aconteceu em uma loja de roupas no Centro de Vitória. Os dois estavam armados e chegaram no estabelecimento empurrando as vendedoras. Na época, segundo a polícia, foram levadas mercadorias e dinheiro do caixa.

Um dos suspeitos é um adolescente de 17 anos que, de acordo com a polícia, também é acusado de cometer outro assalto no centro da capital.

Dias após os dois crimes, policiais encontraram o jovem e foram até a casa dele. No local foi encontrada uma caixa onde era escondida uma arma de fabricação caseira com alto poder de fogo.

"No interior da residência havia essa arma de fabricação caseira, calibre 12, de grande potencial ofensivo. Ele admitiu que a arma é dele, confessou o roubo na loja, confessou o roubo a um cidadão também no Centro de Vitória e também confessou que praticava vários roubos em transportes coletivos. Inclusive, ele nos falou que comprou a arma por R$ 2 mil e que a partir de então ele começaria a praticar os roubos de posse dessa arma", explicou o delegado Gianno Trindade.

Foto: Reprodução / TV Vitória
Arma de fabricação caseira encontrada em posse do adolescente

Além da arma de fabricação caseira, durante a operação, a Polícia Civil apreendeu outras 13 armas de fogo. Todas utilizadas em assaltos nas cidades da Grande Vitória. Ao todo 11 pessoas foram presas. 

Um dos roubos aconteceu em maio deste ano. Um feirante de 36 anos foi assaltado por três homens. Além de agredir o autônomo, os bandidos conseguiram levar o carro dele. Dias depois um dos suspeitos foi preso e a arma do crime apreendida.

Nesta operação, a Polícia Civil também prendeu um homem suspeito de integrar uma associação criminosa de roubo de relógios de luxo na Grande Vitória.

A polícia acredita que essa associação atuava em Vitória e na região metropolitana há pelo menos um ano e são pessoas ligadas ao tráfico de drogas.

"São criminosos de grande periculosidade não só ligados ao crime de roubo, mas sim, ao tráfico. Nós já identificamos mais dois indivíduos e em breve estaremos também, prendendo e tirando de circulação esses criminosos que insistem em cometer crimes patrimoniais", afirmou o delegado Gabriel Monteiro.

Além de focar no roubo de pessoas em áreas urbanas e em comércios, durante todo o mês de junho a polícia também investigou roubo de cargas. Três pessoas foram presas.

"Estamos investigando um roubo de cargas que aconteceu no dia primeiro de junho de uma carga com eletrônicos avaliada em R$ 200 mil ocorrido em Cariacica. A carga foi descarregada no Morro do Jaburu, em Vitória. Recebemos a denúncia de que um dos criminosos envolvidos nesse roubo foi localizado no município da Serra. Policiais se dirigiram ao local da denúncia e ao chegar lá, três indivíduos foram presos com arma de fogo e aproximadamente um quilo de maconha", disse o delegado Brenno Andrade.

A Polícia Civil garantiu que houve redução no número de roubos na Grande Vitória esse ano, se comparado ao mesmo período do ano passado.

* Com informações da repórter Milena Martins, da TV Vitória/RecordTV