Gari é preso acusado de violentar enteada dentro de casa no ES

Polícia

Gari é preso acusado de violentar enteada dentro de casa no ES

As ameaças duraram quatro anos. A pena para o acusado pode chegar a 18 anos de prisão. De acordo com a polícia, o gari pretendia fugir para Portugal

As investigações da DPCA confirmaram o crime Foto: TV Vitória

Um gari, de 47 anos, foi preso após ser acusado de violentar a enteada dentro de casa, no Espírito Santo. De acordo com a polícia, as agressões aconteciam enquanto a mãe da menina trabalhava. A adolescente, hoje com 14 anos, viveu sendo ameaçada pelo padrasto por quatro anos.

O gari foi detido dentro de casa, no início tarde de quinta-feira (20). Entre as coisas dele a polícia encontrou pinos de cocaína e também munição de revólver calibre 38. O homem também estava com um passaporte. De acordo com o delegado Lorenzo Pazolini, ele planejava fugir para Portugal. O suspeito disse que não fugiria, mas sim faria uma viagem. 

O suspeito foi autuado por estupro de vulnerável e posse irregular de munição de uso permitido. Ele será encaminhado para o Centro de Triagem de Viana, onde cumprirá pena de até 18 anos.