Oficial de Justiça bebe, bate veículo e causa confusão em delegacia de Vitória

Polícia

Oficial de Justiça bebe, bate veículo e causa confusão em delegacia de Vitória

Por não ter pago a fiança arbitrada em R$ 10 mil, Elizana Zacche Ramos, de 43 anos mulher foi transferida para o Centro de Triagem de Viana. A mulher é oficial de Justiça

Uma oficial de Justiça foi presa na noite desta sexta-feira (5), em Vitória, após bater na traseira de um veículo na Avenida Saturnino de Brito. A mulher aparentava sinais de embriaguez. Elizana Zacche Ramos, de 43 anos, foi levada ao Departamento de Polícia Judiciária (DPJ) de Vitória e se negou a fazer o teste do bafômetro.

O atestado de embriaguez foi comprovado por um médico do Departamento Médico Legal (DML), através de um exame clínico. A mulher foi autuada em flagrante. Segundo o delegado do DPJ de Vitória, Leonardo Ávila, a oficial tentou se valer do cargo. “Ela não queria ficar presa, dizia que era oficial de Justiça”, contou. 

De acordo com testemunhas, a mulher estava acompanhada de um homem no carro quando se envolveu no acidente. O motorista do veículo atingido chamou a polícia ao perceber os sinais de embriaguez. Por não ter pago a fiança arbitrada em R$ 10 mil, a  mulher foi transferida para o Centro de Triagem de Viana, mas será transferida para o presídio feminino. 

O Tribunal de Justiça do Espírito Santo informou que também vai acompanhar o caso, uma vez que servidores do poder judiciário devem dar o exemplo de cumprimento da Lei. O Tribunal vai apurar os fatos para saber se houve abuso de autoridade por parte da oficial.