• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Filtro solar de rosto para o corpo e vice-versa, pode usar?

Saúde

Filtro solar de rosto para o corpo e vice-versa, pode usar?

Cada pele necessita de um tipo e fator específico do produto

Larissa Agnez

Redação Folha Vitória
Foto: Divulgação
Protetor deve ser reaplicado a cada três horas. 

O verão é a estação mais quente do ano.  Nessa época o cuidado com a pele deve ser redobrado, nesse sentido, muitos especialistas fazem referência ao uso do protetor solar. E uma dúvida comum da população é se a proteção pode usada no corpo pode ser a mesma para o rosto e vice-versa. 

A dermatologista Ivana Garcia responde a pergunta. “Poder você pode utilizar sim. A grande diferença é que, na verdade, algumas peles brasileiras têm necessidade de utilizar no rosto uma cosmética que controle melhor a oleosidade. Por isso, que a gente costuma ter protetores faciais e protetor corporal. É uma questão de cosmética. Mas se você quiser utilizar o mesmo protetor no corpo e no rosto não tem problema”.

De modo geral, recomenda-se a reaplicação do filtro solar a cada 2 horas ou após longos períodos de imersão na água. É importante replicá-lo 15 a 30 minutos antes de se expor ao sol, preferencialmente. É fundamental aplicar uma boa quantidade do produto, o equivalente a uma colher de chá, para rosto, cabeça e pescoço. Para o corpo a medida seria o correspondente a três colheres de sopa.

Além do protetor, é indicado o uso de barreiras físicas, como roupas, chapéus, óculos com lentes com proteção UV e guarda-sol. A proteção labial deve ser feita com balm com protetor solar com FPS 30 no mínimo. O dermatologista é o profissional indicado para receitar o melhor tipo de produto para cada pessoa, sempre considerando as necessidades e particularidades da pele.