• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Implante de silicone interfere na amamentação? Veja o que diz especialista!

Saúde

Implante de silicone interfere na amamentação? Veja o que diz especialista!

Algumas mulheres tem receio de colocar a prótese e não conseguirem amamentar futuramente, ou, alterar a qualidade do leite para o bebê.

Foto: Divulgação
Próteses exageradas, acima de 500 ml podem prejudicar o tecido mamário interferindo na amamentação. 

Para as mulheres que colocam o implante de silicone o surgimento de dúvidas é constante. Em geral, a principal delas refere-se às questões ligadas à amamentação como, por exemplo, será possível amamentar o bebê após a cirurgia? A qualidade do leite é alterada?

De acordo com o cirurgião plástico Humberto Pinto, o implante em nada interfere na amamentação. "As técnicas do procedimento utilizadas hoje evitam a interferência na glândula mamária. Dependendo do caso, a glândula nem é tocada. Pode acontecer de a mãe não ter leite ou produzir em menor quantidade e ela creditar isso ao silicone, mas é um mito”.

Contudo, o cirurgião explica que o exagero, um volume de silicone superior a 500ml, por exemplo, pode promover uma pequena atrofia no tecido mamário, responsável pela produção do leite. “Somente em casos assim o implante pode ser prejudicial à amamentação”, acrescentou. 

Quanto à qualidade do leite, Humberto Pinto esclarece que o líquido não entra em contato com o silicone implantado se a cirurgia for feita corretamente. “A prótese é envolta numa cápsula produzida pelo próprio corpo evitando qualquer contato. Por isso, a constituição do leite não se altera. É importante buscar um bom profissional para realização do procedimento", destacou.