De controle de oleosidade à remoção de impurezas: conheça os benefícios da limpeza de pele

Saúde

De controle de oleosidade à remoção de impurezas: conheça os benefícios da limpeza de pele

Enfermeira esteta garante que os benefícios são inúmeros e enfatiza que o procedimento deve ser feito com especialista para que o resultado não seja o oposto do esperado

Foto: Reprodução/Pexels

Com tantos tratamentos para cuidados da pele disponíveis no mercado, um dos mais tradicionais e que oferece excelente resultado é a limpeza de pele. A afirmação é da enfermeira esteta Gabriela Pedrosa, que garante que os benefícios do procedimento são inúmeros, como controle da oleosidade, remoção de impurezas e desobstrução dos poros.

De acordo com a especialista, esta limpeza é indicada para todos os tipos de peles e deve ser respeitado um intervalo de tempo de 60 dias entre uma sessão, em casos de peles normais, e 30 dias nas oleosas e mistas. “Esse intervalo é importante para que haja a renovação dos tecidos”, informa a especialista.

Sobre os passos da limpeza de pele, Gabriela Pedrosa explica que é importante seguir, nesta ordem: 

1- Higienização: consiste na aplicação de uma loção apropriada que vai auxiliar na remoção das impurezas; 

2- Emoliência: que ajuda a amolecer a pele, estimulando a abertura dos poros;

3- Esfoliação: processo que vai facilitar a extração de cravos – que pode ser feita manualmente ou com ajuda de uma microagulha. 

4- Finalização: o próximo passo é a aplicação de uma auto frequência ou led laser para fechar os poros; 

Ainda segundo a especialista, depois de iniciar o tratamento para acalmar a pele, amenizando a vermelhidão e o inchaço, seguido da hidratação e proteção com filtro solar. 

“O resultado da limpeza profunda é realmente muito satisfatório, mas é necessário que seja feito por um especialista, que saberá a forma correta de fazer o procedimento, sem riscos de manchar ou machucar a pele, que é muito sensível”, diz a enfermeira esteta.

Como a pele é muito sensível, após o procedimento são necessários cuidados como não se expor ao sol por dois ou três dias.

Procedimento liberado para grávidas

“A limpeza de pele é um tratamento que pode ser feito por mulheres grávidas e lactantes”, garante Gabriela Pedrosa. A especialista reforça que é necessário apenas cuidados diferenciados nos produtos que serão aplicados durante o procedimento. “Ácidos não devem ser aplicados, pois a pele absorve”, orienta.

Porém, há casos onde a limpeza de pele não é recomendada: naquelas com muitas espinhas inflamadas. “Nesta condição a pele pode estar contaminada”, afirma Gabriela Pedrosa.

Cuidados diários

A higiene da pele é essencial para evitar o acúmulo de sujeiras, impedindo assim o surgimento de inúmeros problemas, como a obstrução dos poros, acne, oleosidade, entre outros. 

“Lave o rosto com sabonete indicado para o seu tipo de pele, em seguida, hidrate-o com produtos recomendados especialmente para esta parte do corpo”, orienta Gabriela Pedrosa. 

“E, diariamente, independente de sair de casa ou não, use filtro solar para evitar a exposição à radiação ultravioleta (UV)”, recomenda.