Veja quais são os principais sintomas da ansiedade e como lidar com o problema

Saúde

Veja quais são os principais sintomas da ansiedade e como lidar com o problema

A ansiedade pode causar diversos sintomas tanto mentais quanto físicos, que atrapalham o dia a dia de um ansioso

Bianca Santana Vailant

Redação Folha Vitória
Foto: Divulgação

A ansiedade é um sentimento ligado à preocupação, nervosismo e medo. Portanto, o medo - como ato automático básico de perigo - é um processo central em todos os transtornos de ansiedade. Tanto o medo quanto a ansiedade envolvem questões de preocupação e dúvida do indivíduo com relação ao futuro.

Como uma resposta às situações ameaçadoras, este sentimento é caracterizado por tensão ou desconforto consequente de antecipação de perigo, de algo desconhecido ou estranho.

Segundo o PhD, neurocientista e biólogo, Fabiano de Abreu, a ansiedade é um sentimento de resposta provocada pelo medo, assim, a pessoa que sofre com a ansiedade tende a pensar de maneira acelerada 

“O ansioso pensa em vários assuntos ao mesmo tempo, de forma mais rápida. Com a atuação desses pensamentos, acaba não realizando nenhuma das tarefas com tanta importância. Assim, toda a energia mentalmente e fisicamente é investido em assuntos que não tem prioridade e aquelas que importam são deixadas de fazer e realizada para outro momento”, explicou

Quais são os sintomas da ansiedade?

A ansiedade pode causar diversos sintomas tanto mentais quanto físicos, que atrapalham o dia a dia de um ansioso. 

Sintomas psicológicos: são caracterizado por constante tensões ou nervosismos, sensação de que algo ruim vai acontecer, preocupação exagerada em comparação com a realidade, irritabilidade, medo constante e problemas para dormir. 

Sintomas físicos: são caracterizados por respiração ofegante, boca seca, aceleração no coração, sensação de fraqueza ou cansaço, tensão muscular, dor de barriga e náusea.

Com o sentimento da ansiedade, vem o medo do fracasso, de não conseguir agir pelo pavor da conclusão de certas ações, com isso, o sentimento em níveis altos produz a paralisação motora que faz que um ansioso não saiba como agir pelo medo e assim repetir constantes fracassos. 

A pessoa ansiosa que fracassa em certa ação, se enfraquece e acaba não aproveitando da lição que precisa ser aprendida de certa experiência, e por não aprender o devido ensinamento, volta a cometer os mesmo erros.

Veja como evitar os problemas relacionados à ansiedade

Segundo o neurocientista Fabiano de Abreu, "para evitar esses sentimentos é importante que tenha uma visão diferente do fracasso, que enxergue como um obstáculo a ser ultrapassado, que aprenda a lição de uma experiência para não cometer os mesmo erros, e que liste suas prioridades para pôr em prática"

Assim, ainda ssegundo  especialista, "os pensamentos ficam mais organizados e tudo começa agir positivamente naquilo que tanto quer, focar no presente possibilita que você se preocupe menos com o que aconteceu no passado e com o que acontecerá no futuro."