• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Cisto na corda vocal pode ser causado por grito e até por falas prolongadas

  • COMPARTILHE
Saúde

Cisto na corda vocal pode ser causado por grito e até por falas prolongadas

É importante ficar atento à mudanças na voz por períodos prolongados e dificuldades na fala

O tumor é benigno, mas afeta as cordas vocais e quando não tratado pode desencadear sérios problemas de saúde. 

Cisto vocal é, na verdade, um tumor benigno que contém líquido (como se fosse uma bolsa de líquido) e que afeta uma das cordas, causando rouquidão, a chamada disfonia.

O otorrinolaringologista, Giulliano Enrico Ruschi destaca que quando o cisto é grande pode ser necessário fazer uma cirurgia. Segundo o médico, vários fatores podem causar o problema, entre eles, gritar muito, usar intensamente a voz e de forma constante, falar por longos períodos, produzir voz mais forte (grave), forçar a garganta para emitir sons fortes ou mais baixos, e falar demais durante práticas esportivas.

"O cisto pode acarretar sintomas como rouquidão, cansaço durante a fala, dor no pescoço ou na laringe, pigarro, piora na fala após falar por mais tempo e até dificuldade na coordenação da respiração", enumera o especialista.

O médico destaca que é importante ficar atento à mudanças na voz por períodos prolongados e dificuldades na fala. "Para curar o problema definitivamente, a saída é a cirurgia. Mas apenas o especialista pode dizer se é ou não necessária a intervenção. A fonoaudiologia também é importante na recuperação", afirmou. 

Para evitar o problema, o otorrinolaringologista orienta a beber sempre bastante água, não fumar, evitar gritar e falar quando está em atividade física, não fazer esforço para modificar a voz, cuidar da respiração e dar descansos para a voz. "Evitar líquidos e alimentos muito gelados ou muito quentes também é importante, assim como comer mais maçã, que ajuda a fazer uma 'limpeza' nas cordas vocais. Cuide sempre da voz para mantê-la saudável", alerta o médico.