• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Terceira idade: acidentes resultam em fraturas e graves ferimentos

  • COMPARTILHE
Saúde

Terceira idade: acidentes resultam em fraturas e graves ferimentos

População acima de 60 anos tem aumento no Brasil e os cuidados com a chegada da idade devem ser redobrados

Exercícios físicos podem ser praticadas na terceira idade, mas acompanhamento profissional é imprescindível. 

A população com mais de 60 anos no Brasil tem aumentado e, com isso, cresce a preocupação com a saúde e a qualidade de vida dessas pessoas. Nesta fase evitar quedas é essencial, já que os acidentes podem resultar em fraturas, ferimentos, redução da autoestima e perda da autonomia do idoso.

Medidas simples, como trocar tapetes escorregadios por antiderrapantes, manter a casa iluminada e colocar utensílios e mantimentos em locais de fácil alcance, ajudam a evitar tombos dentro de casa.

A altura da cama e cadeiras deve ser regulada para que o idoso possa manter os pés no chão, quando sentado. Se possível, é melhor evitar o uso de degraus. Corrimãos nas escadas e nos banheiros são aliados para não cair.

Fique atento

Devido às condições de saúde especiais dos mais velhos, é necessário redobrar a atenção com as causas mais comuns de quedas como vertigens causadas por alterações de labirintite, osteoporose, queda de pressão arterial, fraqueza e doenças como Parkinson.

Não tenha vergonha

Alguns idosos ficam com vergonha ou se recusam a usar bengala, andador, muleta ou cadeira de rodas. A indicação dessas medidas é feita pelo médico para evitar acidentes.

Dicas importantes

A prática regular de exercícios físicos mantém os ossos e músculos fortes. Além disso, é necessário procurar um médico em caso de tonturas ou desequilíbrio.