• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Sarampo: especialista dá dicas para proteger bebês com menos de 6 meses de idade

Saúde

Sarampo: especialista dá dicas para proteger bebês com menos de 6 meses de idade

Os bebês nessa faixa etária não podem receber a vacina de imunização contra a doença

Foto: Flickr/Leni Suryani

Com 2,3 mil casos confirmados de sarampo nos últimos três meses, o Brasil vive um surto da doença. O epicentro da epidemia está localizado no estado de São Paulo, onde foram confirmados uma morte e 2.299 casos – 98% do total.

Neste mês, o governo anunciou ainda uma nova recomendação para imunização de crianças. No intuito de conter o avanço da doença, o Ministério da Saúde recomenda que crianças entre seis meses e 1 ano recebam uma dose extra da vacina, com uma imunização denominada “dose zero”. Contudo, os bebês com menos de 6 meses não podem ser imunizados.

O pediatra e neonatologista, Nelson Douglas Ejzenbaum, alerta para os pais reforçarem os cuidados afim de evitar o contágio de um bebê nessa faixa etária. "É necessário lavar bem as mãos ao chegar em casa e evitar contato com qualquer pessoa que apresente sintomas parecidos com os da gripe. Caso tenha contato com alguém que tenha tido sarampo, é essencial tomar a vacina de bloqueio, que corrige possíveis falhas vacinais", afirmou.

Segundo o especialista, a vitamina A diminui o risco de implicações mais perigosas da doença, mas não previne o sarampo. "O sarampo causa uma perda grande de vitamina A, que pode provocar cegueira e morte", disse.

Ele ainda garantiu que as crianças não sofrerão efeitos colaterais e alerta para que os pais não deixem de vacinar os filhos. "A vacina é segura. Não causa autismo, não causa doença alguma. É para proteger seu filho", conclui.

Com informações do Portal R7!