• Geral

Sobre roda$

O Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) quebrou recentemente o monopólio estabelecido no gravame de veículos (Registro), um negócio que rendia mais de R$ 450 milhões por ano para a B3/CETIP. A iniciativa foi do diretor do Denatran, o delegado federal Elmer Vicenzi, que assinou resolução por mais transparência ao órgão. Ele fica no cargo, já avisou a interlocutores o novo ministro das Cidades, ... leia mais
  • Geral

Dança dos ministros

O presidente Michel Temer decidiu demitir Luislinda Valois, ministra dos Direitos Humanos, e procura uma saída honrosa para a tucana baiana. A substituta deve ser uma deputada do PMDB, embora o PRB tente a vaga para Tia Eron, deputada federal licenciada e hoje secretária de Promoção Social de Salvador. O ministro Antonio Imbassahy está de malas prontas para assumir o Ministério da Transparência e ... leia mais
  • Geral

Sarney voltou

O ex-presidente José Sarney – longe da política, mas não do Poder – está engajado na nova candidatura da filha, Roseana Sarney, ao Governo do Maranhão. Passou o feriado do Dia 15 articulando em São Luís. Roseana pode ser a principal concorrente do governador Flávio Dino (PCdoB), que vai tentar a reeleição. Enquanto a campanha não vem, Sarney se dedica à literatura. O ‘imortal’ abrirá hoje em ... leia mais
  • Geral

Cavendish x Sadala

Conduzido pela Polícia Federal ontem para explicar uma transação milionária com Georges Sadala, o empreiteiro Fernando Cavendish quer detonar o ex-amigo. O script envolve traição e calote. Cavendish vai entregar dois aperitivos à Justiça: durante a CPI do Cachoeira em 2012 no Congresso Nacional, que pegou em cheio a Delta Construções, o empreiteiro telefonou para Sadala e pediu que ele pegasse seu ... leia mais
  • Geral

Teixeira x Romário

Inimigos figadais há anos, o ex-cartola Ricardo Teixeira e o ex-jogador Romário Faria voltaram a brigar, agora em campo político. O ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), acusado de lavagem de dinheiro e desvio de recursos dos jogos da seleção, apresentou ao Conselho de Ética do Senado pedido de abertura de processo disciplinar por suposta quebra de decoro contra o senador Romário ... leia mais
  • Geral

Quarteto petista

O Instituto Lula sediou no sábado importante reunião que delimitou projetos eleitorais de quatro nomes do PT para 2018. Lula da Silva, Luiz Marinho, Eduardo Suplicy e Fernando Haddad conversaram por meia hora à noite. Ficou decidido que Lula é o candidato a presidente. Neste caso, Haddad e Suplicy serão os nomes para disputar o Senado e Marinho concorrerá ao Governo paulista. Não há plano B, por ora. ... leia mais
  • Geral

Boia no prato!

Pressionado pelas Forças Armadas, o ministro da Defesa, Raul Jungmann, leva hoje ao presidente Michel Temer os comandantes do Exército, Marinha e Aeronáutica. Os cortes drásticos no Orçamento para 2018 preocupam os militares. Há risco de faltar dinheiro até para a ‘boia’ (comida) dos soldados. Segundo fontes palacianas, o presidente deve acolher a demanda e mexer no Orçamento para atendê-los. Na pauta ... leia mais
  • Geral

Ataque no ar

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral e ministro do STF, Gilmar Mendes, engaveta e não tem pressa em liberar para análise do plenário da Suprema Corte uma ação do PSOL que questiona o controle de emissoras de rádio e TV por políticos. A chamada ADPF, Ação de Descumprimento de Preceito Fundamental nº 379, foi apresentada há seis anos pelo partido e sustenta que o comando de veículos de ... leia mais
  • Geral

Padrinho duplo

Além de emplacar o novo diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segóvia, o ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), Augusto Nardes, também articulou nos bastidores para levar o ex-secretário de Transparência do Governo do Espírito Santo, delegado federal Eugênio Ricas, à diretoria de Combate ao Crime Organizado da corporação. Ele vai comandar a operação Lava Jato. Controle Há 20 dias, Ricas ... leia mais
  • Geral

Cuide-se, Janot

A Procuradora-Geral da República, Raquel Dodge, revisa com lupa a colaboração premiada assinada pelo antecessor e desafeto Rodrigo Janot com os empresários Joesley e Wesley Batista, donos da JBS. Sua equipe já esbarrou em várias “inconsistências”, o que pode levar à anulação do acordo. Tão perto O deputado Paulo Mello, ex-presidente da ALERJ, está desesperado. Prenderam sua chefe de gabinete, que sabe ... leia mais