Corrida com obstáculos gigantes cancela etapa no ES. Saiba o motivo e como solicitar reembolso!

A “Insane Inflatable 5k – Corrida Insana”, prova com mais de 10 obstáculos infláveis gigantes, que iria desembarcar na capital capixaba no próximo domingo, dia 10 de dezembro, foi cancelada. De acordo com a organização do evento, o motivo seria “problemas meteorológicos”.

Confira a nota oficial: “Na programação inicial, o evento deveria ocorrer neste domingo (10), na arena montada na Rodovia do Contorno, km 275 – Anexo ao Alphaville Jacuhy. Em função dos imprevistos, a organização se viu obrigada a alterar os planos, pois as fortes chuvas que caíram na cidade e a previsão do mau tempo para a semana inteira poderia colocar os corredores em risco”.

Imagem do local onde o evento seria realizado, enviada pela organização

Ainda de acordo com a organização, para receber o dinheiro da inscrição de volta, basta solicitar o reembolso por meio do e-mail [email protected], colocando no assunto do email CANCELAMENTO VITÓRIA. O reembolso será feito diretamente pela plataforma da Sympla tanto via cartão de crédito ou Paypal, como boleto bancário ou débito online.

A Corrida Insana já passou por 14 cidades brasileiras: Goiânia, Belo Horizonte, Blumenau, Ribeirão Preto, Sorocaba, São Paulo, Brasília, Campinas, Rio de Janeiro, Florianópolis, Curitiba, Porto Alegre, Londrina e São José dos Campos. O encerramento da temporada será na capital paulista, com uma etapa extra nos dias 16 e 17 de dezembro, no Clube Hípico Santo Amaro.

A proposta do evento é divertir os corredores e para participar precisa ter apenas mais de 1,05m de altura. Sem competição, sem contagem de tempo e sem obrigação de completar todos os obstáculos. Entre os obstáculos que tentam impedir os corredores de concluir os seus desafios estão: escorregadores, estilingue humano, bolas de demolição, entre outros.

Conheça cada um dos obstáculos do percurso da Corrida Insana:

Largada insana – A prova começa com o desafio de uma subida, seguida por um escorregador gigante.

Waverunner – O segundo obstáculo é plano, mas não quer dizer que é fácil passar por ele! O desafio é correr o mais rápido que puder sobre lombadas e ondulações. 

Mattress Run (Campo Minado) – É um teste para o equilíbrio e agilidade em um caminho cheio de buracos. Um passo em falso e você estará deitado dando boas gargalhadas no colchão.

Big Balls – Bolas gigantes surgirão à frente dos corredores e será preciso desviar para não ser acertado, golpeado e nocauteado por elas.

Crash Course (a Montanha) – Uma verdadeira montanha russa cheia de altos e baixos. O corredor vai precisar se arrastar através dos obstáculos do início ao fim, traçando seu caminho pelos altos e baixos do percurso.

Pure Misery (no Sufoco) – Baseado nos manuais de treinamento militar, é um monstro de 30 metros de comprimento que testará força, agilidade, flexibilidade e resistência enquanto você completa vários obstáculos e supera seus limites neste desafio que é puro sufoco.


Wrecking Balls (Demolição) – Bolas de demolição de prédios vindo na direção dos corredores. Esse gigante de 30 metros de comprimento vai testar seus limites, não tenha medo de empurrar de volta. Atravesse e tente não ser demolido no caminho.

Jump Around – é onde os infláveis encontram a insanidade. Este é um dos obstáculos mais insanos que você experimentará! São mais de 21 metros de loucura, pulos e diversão! É o maior obstáculo de seu tipo! Uma vez que você entra, tudo o que quer fazer é pular, saltar e descer!

Slingshot (Estilingue) – O desafio desse obstáculo é subir até o topo com a ajuda de uma corda e escorregar.

Finish Line – O último obstáculo reserva um “grand finale” que reúne um pouco de cada um dos desafios anteriores. Se esquive da Wrecking Ball, atravesse por entre os torres (joão-bobo), escale a escada de corda e escorregue para a vitória.

Insane Inflatable 5K – a Corrida Insana (CANCELADA)
Data: 10 de dezembro
Local: Vitória
Percurso: 5km com obstáculos infláveis
Informações

Daniela Künsch

(1534Publicações)

Daniela Künsch é jornalista desde 2002, editora chefe do jornal Folha Vitória e corredora amadora. Depois de chegar aos 133 quilos, perdeu 65, e encontrou na corrida força e inspiração para não voltar à obesidade.