• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Cuca esboça escalação do Santos sem Carlos Sánchez para encarar o Vasco

  • COMPARTILHE
Esportes

Cuca esboça escalação do Santos sem Carlos Sánchez para encarar o Vasco

O técnico Cuca esboçou no treino desta quinta-feira o Santos que deve entrar em campo para enfrentar o Vasco no sábado, às 19h, no Maracanã, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro. A tendência é que o treinador promova algumas mudanças em relação ao time que empatou sem gols com o Independiente, na terça-feira, e foi eliminado da Libertadores.

A dúvida fica por conta da presença do lateral-direito Victor Ferraz, que ficou de fora da atividade por conta de uma virose. Daniel Guedes o substituiu. Na zaga, Robson Bambu deve entrar na vaga de Lucas Veríssimo, que sofreu uma lesão muscular na última partida.

Com a volta do lateral-esquerdo Dodô, que cumpriu suspensão na Libertadores, o volante Diego Pituca apareceu de volta no meio-campo na vaga de Carlos Sánchez, o protagonista da confusão na Libertadores. E na frente, sem poder escalar Bruno Henrique por conta de suspensão, Eduardo Sasha deve ganhar uma oportunidade.

O paraguaio Derlis González concedeu entrevista após o treino desta quinta-feira e falou ainda sobre a eliminação na Libertadores. Ele tentou minimizar a queda nas oitavas de final, pois considerou que a eliminação aconteceu apenas por conta do julgamento da Conmebol. "Melhor não falar nada porque podem me suspender".

"Fazemos nossa parte no campo. Fora, não temos nada que ver. Estamos tranquilos. O que passou não me cabe a responder. É difícil sair de uma competição como essa. O Rodrygo disse que era a última chance de ganhar a competição. Mas agora já foi", afirmou o meio-campista.

O Santos vem de duas vitórias consecutivas no Campeonato Brasileiro e ocupa a 15ª colocação com 24 pontos, a três da zona de rebaixamento. "Agora temos que nos concentrar nesse torneio, conquistar o maior número de pontos que conseguirmos para garantir uma vaga novamente na Libertadores", finalizou o paraguaio.