• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Vettel admite erros na briga pelo título: 'Meu maior inimigo sou eu mesmo'

  • COMPARTILHE
Esportes

Vettel admite erros na briga pelo título: 'Meu maior inimigo sou eu mesmo'

Para Vettel, o maior vacilo foi cometido na prova em que disputou em casa. Ele liderava a corrida, mas um erro bobo o tirou da disputa, faltando 15 voltas para o fim

Após cometer uma série de erros ao longo da temporada 2018 na Fórmula 1, o alemão Sebastian Vettel admitiu nesta quinta-feira que é o principal responsável pelas falhas que o derrubaram da liderança do campeonato. "Meu maior inimigo sou eu mesmo. Temos um grande carro", declarou o piloto da Ferrari.

"Claro que Lewis está à frente neste momento. É aquele que eu preciso vencer, mas nós temos todas as chances. Precisamos cuidar de nós. Se fizermos isso, teremos uma grande chance de nos sairmos bem", disse Vettel, às vésperas do GP de Cingapura.

O alemão cometeu erros nos GPs do Azerbaijão, França, Alemanha e Itália. E reconhece que poderia ter ido melhor nestas e em outras etapas. "É normal que, quando disputamos muitas corridas, em algumas você sente que poderia ter feito melhor ou deveria ter feito algo diferente por motivos distintos."

Para Vettel, o maior vacilo foi cometido na prova em que disputou em casa. Ele liderava a corrida, mas um erro bobo o tirou da disputa, faltando 15 voltas para o fim. "O pior erro foi o da Alemanha. Mas o mais importante é que eu sei o que aconteceu e posso explicar", comentou.

A 30 pontos do líder Hamilton no campeonato, o alemão tentará iniciar sua reação neste domingo. Porém, já prevê as dificuldades que enfrentará na etapa que considera a mais complicada da temporada, em razão do forte calor e da alta umidade. "Acho que é a corrida mais difícil do ano, mental e fisicamente. A gente tem a sensação de que nunca estamos preparados o suficiente para esta prova."

No duelo dos tetracampeões, Vettel soma 226 pontos, contra 256 do rival da Mercedes, faltando sete corridas para o fim do campeonato. Os pilotos vão para a pista em Cingapura nesta sexta-feira, a partir das 5h30 (de Brasília), para o primeiro treino livre. O segundo está marcado para as 9h30. No sábado, o treino classificatório será às 10h. E a corrida, no domingo, está agendada para as 9h10.