• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Em Vitória, Marina Silva fala em valorizar policiais e visita feira popular

Eleições 2018

  • COMPARTILHE
Política

Em Vitória, Marina Silva fala em valorizar policiais e visita feira popular

Em rápida conversa com jornalistas, Marina fez críticas a polarização histórica entre PT e PSDB nas eleições e evitou falar sobre a queda nas pesquisas de intenção de votos

Marina Silva em visita a uma feira em Jardim da Penha, Vitória. | Foto: Francine Leite

A candidata à Presidência da República pela REDE, Marina Silva, chegou ao Espírito Santo na manhã deste sábado (15). Ela desembarcou no Aeroporto de Vitória por volta de 09h40 da manhã e, às 10 horas, apareceu no saguão. No local, ela foi recebida por diversas mulheres, além de apoiadores de campanha.

Do aeroporto, Marina Silva seguiu para uma feira, em Jardim da Penha, Vitória. No local, ela conversou com populares e comerciantes da região. Em rápida conversa com jornalistas, Marina fez críticas à polarização histórica entre PT e PSDB nas eleições. Questionada sobre a queda nas pesquisas de intenção de voto, a candidata evitou comentar sobre o assunto. 

A candidata enfatizou também a necessidade de uma valorização dos salários dos policiais. No plano de governo, Marina defende a implementação do Sistema Único de Segurança Pública (SUSP), com foco na gestão para resultados, e a criação do Plano Nacional de Segurança, em parceria com Estados e municípios.

"Por décadas, o Espírito Santo foi abandonado pelos partidos políticos que se alternaram no poder. O Estado tem um problema sério, que é a violência. A prioridade precisa ser combater a criminalidade", disse a candidata. 

A candidata é acompanhada pelo prefeito da Serra, Audifax Barcelos (REDE), além de candidatos a deputado federal e estadual. 

Com informações da repórter Francine Leite, da TV Vitória.

Na parte da tarde, a candidata seguiu para Jardim Carapina, na Serra, onde participou de caminhada com a militância e candidatos locais do partido. A agenda ocorreu na esquina da Rua Salvador com a Avenida Porto Seguro.

Mulheres e apoiadores de campanha recepcionaram Marina Silva no aeroporto. Foto: Francine Leite

Queda em pesquisa

De acordo com pesquisa Datafolha, divulgada nesta sexta-feira (14), Marina Silva apresentou 8% das intenções de voto. O índice marca uma queda da candidata, que havia registrado, na pesquisa anterior do Datafolha, percentual de 11%.

O candidato do PSL, Jair Bolsonaro, passou de 24% na pesquisa divulgada na última segunda-feira, para 26% na pesquisa desta sexta-feira. Ciro Gomes (PDT) manteve os 13%, mesmo porcentual de Haddad (PT), que subiu quatro pontos porcentuais (de 9% para 13%).

Geraldo Alckmin (PSDB) oscilou de 10% para 9%, mas se mantém empatado em segundo lugar, considerando-se o limite da margem de erro, que é de dois pontos porcentuais.

Leia também:
- Datafolha: Bolsonaro tem 26%; Ciro, 13%; Haddad, 13%; Alckmin, 9%; Marina, 8%
Haddad compartilha bilhete do ex-presidente Lula com mensagem de apoio
Bolsonaro permanece estável na UTI e sem complicações, diz boletim do Einstein
- Candidatos ao governo do ES arrecadaram quase R$ 7 milhões