Insolação em pets: saiba porque ela ocorre

Já ouviu falar em insolação em pets? Você sabia que seu cachorro pode ter uma insolação ao brincar no sol?

As temperaturas ainda não deram uma trégua. O calor continua forte, e por isso, alguns cuidados são importantes para não deixar a estação causar consequências em nossa saúde, e é claro, que na saúde dos nossos amiguinhos também.

Saiba porque os pets correm risco de uma insolação e quais as consequências da exposição exagerada ao sol para os bichinhos.

O que é a insolação?

Também chamada de hipertermia, essa condição é causada quando o corpo é exposto à altas temperaturas, sem conseguir se resfriar.

Com insolação nos pets é preciso bastante atenção, já que diferente dos humanos, eles não possuem as glândulas sudoríparas, responsáveis por exalar o calor interno em forma de suor. Isso quer dizer que, principalmente cães e gatos, só conseguem expulsar o calor interno pela respiração ou as almofadinhas em suas patas.

E nem sempre é o suficiente.

A temperatura do corpo dos pets costuma ser de 37°C-38°C, e ao passar dos 41°C já pode ser considerado uma insolação moderada e necessitar de cuidados urgentes. Se passar desse valor, deve-se procurar um veterinário o mais rápido possível, pois a insolação pode ser fatal.

Prevenir é sempre a melhor escolha

Por mais que a maioria dos pets goste de ficar expostos ao sol, seja dormindo ou brincando, é preciso vigiar o tempo em que se colocam nesse estado. Se puder mantê-lo na sombra nos horários de maior índice de temperatura, melhor ainda.

Confira outras dicas:

  • Dentro de casa, o ideal é que permaneçam em ambientes ventilados e frescos. Por isso, se for passar o dia fora, deixe a casa preparada com as janelas abertas ou até um ventilador ligado caso a residência seja muito quente;
  • Água fresca é sempre essencial, pois sabemos a importância de se manter hidratado durante o verão.
  • Nunca deixe o bichinho no carro. Principalmente sozinho, com o automóvel desligado.
  • Os animais regulam a temperatura pela respiração. Por isso, o excesso de calor pode causar uma parada respiratória fatal. Sempre pense no conforto e na segurança do seu animal de estimação para evitar a insolação em pets.

Gostou do conteúdo? Ficou com alguma dúvida? Deixe um comentário!

Vamos adorar te ajudar a cuidar do seu pet com todo amor e atenção.

Equipe Petblog

(201Publicações)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será divulgado. Campos obrigatórios estão marcados com *