Bruno Silva torce para Luan deixar o Grêmio antes de duelo na Libertadores

 Versão para impressão  

Rio - O volante Bruno Silva, autor do primeiro gol do Botafogo na vitória por 2 a 0 sobre o Nacional (Uruguai) que classificou a equipe carioca para as quartas de final da Copa Libertadores, revelou em entrevista coletiva nesta sexta-feira que torce pela negociação do atacante Luan, do Grêmio, para o futebol europeu. Para o botafoguense, a saída do jogador vai tirar força do rival das quartas de final da Libertadores.

"Lógico, tomara que ele vá, né? É um grande jogador, dá trabalho, cara muito habilidoso, muito rápido. Mas a equipe do Grêmio tem outros jogadores de qualidade que podem decidir. O Luan é acima da média, não tem como negar. Se tiver uma proposta, que ele vá, e a gente não o enfrente", comentou o meio-campista.

Bruno Silva não vê o Grêmio - próximo adversário também no Brasileirão, neste domingo, às 19 horas, no Engenhão - como favorito na próxima etapa da competição continental. O atleta, de 31 anos, destacou que a equipe alvinegra merece respeito pelo desempenho no torneio e sonha com o título sul-americano.

"A gente nunca foi favorito a estar na Libertadores. Ia ficar para o Colo-Colo, para o Olimpia, não ia classificar no grupo. Para a gente é normal (ser azarão), já acostumou. Concordo que o Grêmio está em um momento melhor que o nosso, tem que respeitar. Mas na Libertadores vejo 50% para cada um. Vai ser um jogo bastante equilibrado, com duas equipes que sabem o que querem dentro do jogo", projetou Bruno Silva.

Pela Libertadores, Botafogo e Grêmio se enfrentarão nos dias 13 e 20 de setembro, primeiro no Rio de Janeiro, depois em Porto Alegre. No Brasileirão, o time botafoguense busca a vitória contra os gaúchos para se aproximar do G6. Hoje, o Botafogo ocupa a 11ª posição na tabela, com 25 pontos, apenas três atrás do Sport, 6º colocado.

 Versão para impressão  

MAIS LIDAS

Jornal Folha Vitória
Todos os direitos reservados © 2007-2016