Tragédia na BR-101: Feriadão prolongado começa com três mortes na Serra

 Versão para impressão  

TesteO feriadão prolongado da Semana Santa começou violênto no Estado. Três pessoas da mesma família morreram em um acidente entre uma carreta e um carro de passeio no final da tarde desta quinta-feira (17), no km 249 da BR-101, na Serra. 

De acordo com as primeiras informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a colisão frontal deixou outras duas pessoas feridas em estado grave.

Segundo a ECO 101, a batida aconteceu por volta das 17h30 no sentido Vitória x Fundão. O motorista de um Honda Civic teria perdido o controle do carro e atingido a carreta de frente. O veículo foi parar embaixo da carreta e três dos cinco ocupantes do carro morreram no local. 

O motorista do carreta e o carona também ficaram feridos e foram socorridos para o hospital por uma ambulância. Os dois estão em estado grave. De acordo com a concessionária, foram são 10 quilômetros de congestionamento nos dois sentidos da BR-101. Até às 21h30, as duas pistas ainda não tinham sido liberadas.  

"Operação Semana Santa"

Com o principal objetivo de prevenir acidentes nas rodovias federais que cortam o Espírito Santo, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) deu início à "Operaçao Semana Santa" nesta quinta-feira (17). O esquema especial termina somente na próxima segunda-feira (21). 

Durante a operação, os policiais vão reforçar a fiscalização contra o consumo de bebida alcoolica, excesso de velocidade, ultrapassagens proibidas, utilização de cadeirinhas para crianças, além de outras infrações e crimes.

Os trechos que registram maior índice de acidentes terão reforço do policiamento ostensivo e em locais e horários de maior incidência de acidentes haverá um reforço concentrado.

Tecnologia a serviço da vida

Para inibir os motoristas e combater a infração mais cometida, a PRF contará com 150 radares portáteis espalhados pelas rodovias federais do país e 6 no Espírito Santo. À disposição dos policiais, nos trechos com maiores índices de acidentes, os radares são capazes de identificar os veículos acima da velocidade permitida mesmo a dois quilômetros de distância. A intenção é coibir o excesso de velocidade que, juntamente às ultrapassagens proibidas, causa a colisão mais letal das rodovias federais.

TAGs

  • serra
  • prf
  • acidente
  • mortos
  • br
  • 101
  • fundao
 Versão para impressão  

MAIS LIDAS

Jornal Folha Vitória
Todos os direitos reservados © 2007-2016