• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Kendall Jenner nega ter agredido paparazzo em festa

Entretenimento

Kendall Jenner nega ter agredido paparazzo em festa

-

Kendall Jenner foi acusada recentemente de agredir um paparazzo na saída de uma festa em Paris. O motivo seria proteger a amiga Gigi Hadid, namorada do ex-One Direction Zayn Malik. Desde o tumulto, a modelo não falou sobre o caso e os fãs ficaram perplexos com a notícia. Felizmente, Jenner resolveu se pronunciar e, segundo informações do site E!, ela se disponibilizou a dizer a verdade e nada mais do que a verdade sobre a suposta agressão.

- Mesmo que vocês saibam sobre a minha raiva dos paparazzi, eu não toquei nele! Gigi, o segurança e eu estávamos andando juntos. Eu estava cobrindo o meu rosto porque estava muito suada de dançar na balada a noite toda (a última coisa que eu queria naquele momento era que tirassem uma foto minha!). De repente, um paparazzo tirou a sua câmera e começou a tirar fotos bem em cima da minha cara. Era o meu espaço pessoal, centímetros do meu corpo. Eu fiquei tão irritada. Tudo o que eu pedi foi um pouco de espaço para respirar, e ele desrespeitou isso, revelou Kendall.

Ela ainda conta detalhes sobre sua ação contra o paparazzo.

- Então eu peguei a câmera e a empurrei para longe do meu corpo, tentando ao mesmo tempo puxar a mão dele. Claro, os movimentos da minha mão nessas fotos indicam que eu estava distribuindo socos. Só que não era nada disso! Eu só queria ele e a mão dele longe do meu rosto. Mais tarde, eu pedi para ele que deletasse essas fotos, e ele disse que não iria fazer isso. Meu segurança, Mason, teve que agir e assustou muito o fotógrafo. Mason o fez deletar as fotos e o forçou a pedir desculpas! Eu queria ter certeza de que as imagens foram 100% apagadas porque paparazzi podem ser espertos (às vezes eles apertam em deletar, e quando a câmera abre uma janela de confirmação eles rapidamente pressionam não pensando que a celebridade não irá perceber). Ele realmente as deletou, e eu fiquei grata por isso. Violência nunca foi o meu modo de resolver as coisas. Eu entendo que eles têm um trabalho para ser feito, mas gostaria que me dessem um espaço de vez em quando.