• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Dória nega crise no São Paulo após derrota e promete reação

  • COMPARTILHE
Esportes

Dória nega crise no São Paulo após derrota e promete reação

São Paulo - O baque pelo São Paulo ter sido totalmente dominado e batido pelo Corinthians por 2 a 0 na última quarta-feira, pela Libertadores, já faz o elenco adotar um discurso para acalmar uma possível crise. O zagueiro Doria repetiu por diversas vezes na entrevista coletiva desta quinta-feira que o time tem condições de reverter a situação desfavorável e lembrou que a equipe tem ainda cinco jogos para fazer no Grupo 2.

"Tivemos uma apresentação ruim. Mas temos um jogo no sábado (contra o Audax) e outros treinos para começarmos a reverter a situação na próxima quarta-feira. Ainda faltam cinco jogos", disse.

O próximo compromisso pela Libertadores é no Morumbi, contra o Danubio, time uruguaio considerado o mais fraco de uma chave que tem o Corinthians e o argentino San Lorenzo, atual campeão do torneio.

Apesar da derrota por 2 a 0 para o rival, o dia não teve protestes e nem a presença de dirigentes no CT da Barra Funda. A quinta-feira foi marcada por um jogo-treino dos reservas, enquanto os titulares fizeram trabalho regenerativo na academia e pouco falaram sobre o tropeço na estreia e evitaram cobranças. "Todo mundo sabe o que deve ser feito. Aqui não tem criança e todos sabem o que poderia ser feito melhor dentro de campo", comentou Dória.

O zagueiro terminou o jogo com uma lesão no pé direito por uma dividida durante o primeiro tempo do clássico. Mas Dória não deve ser problema para a partida de sábado, contra o Audax, no Morumbi, pela sexta rodada do Campeonato Paulista, quando o São Paulo precisará mostrar postura diferente.

"O Corinthians fez uma excelente partida e por isso pareceu que a gente aceitou muito a proposta de jogo deles Realmente tivemos dificuldade para chegar no gol deles, mas vamos melhorar", explicou.