• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Cacá Bueno e Tuka Rocha vencem baterias da etapa de Ribeirão da Stock

Esportes

Cacá Bueno e Tuka Rocha vencem baterias da etapa de Ribeirão da Stock

Ribeirão Preto - A segunda etapa da temporada 2015 da Stock Car acabou ficando marcada pelo fim do jejum do multicampeão Cacá Bueno e pela primeiro triunfo da carreira de Tuka Rocha. Foram eles que venceram neste domingo as baterias da etapa de Ribeirão Preto, no interior paulista, realizada em um circuito de rua, que ficou marcada pela chuva e por algumas confusões.

Com a chuva que caiu em Ribeirão Preto antes da prova, a largada da primeira bateria acabou acontecendo com o safety car, com a bandeira verde sendo dada na terceira volta. Max Wilson, o pole position, manteve a liderança, seguido por Cacá Bueno.

Max Wilson chegou até a abrir uma vantagem confortável, mas Cacá Bueno soube administrar melhor o uso dos pneus de chuva no asfalto que foi secando passou a atacá-lo e conseguiu a ultrapassagem na 25ª volta. Max Wilson ainda deu o troco, mas logo depois errou e perdeu de vez a liderança para Cacá Bueno. E nas voltas seguintes ele perdeu posições para outros pilotos.

Com boa atuação, Marcos Gomes assumiu o segundo lugar e pressionou Cacá Bueno, que conseguiu manter a liderança mesmo após ser atacado, principalmente após um erro no momento da bandeirada final. Ainda assim, ele venceu e encerrou um jejum de vitórias que vinha desde junho de 2013.

Julio Campos ficou em terceiro lugar, seguido em ordem por Ricardo Maurício, Thiago Camilo, Max Wilson, Galid Osman, Rubens Barrichello, Allam Khodair e Vitor Genz, que foi o décimo e ganhou o direito de largar na pole position na segunda bateria da etapa de Ribeirão Preto.

A prova teve o seu início atrasado por causa de uma polêmica envolvendo alguns carros, que entraram nos boxes para trocar pneus antes do início da segunda bateria. A organização da Stock Car ainda não se pronunciou sobre possíveis punições.

A disputa teve vários acidentes, provocando a entrada do safety car. Alheio aos incidentes, Tuka Rocha atacou os adversários até ultrapassar Victor Genz e assumir a liderança da prova. Também em ritmo forte, Sérgio Jimenez logo conseguiu alcançar a segunda posição, sem, porém, conseguir ameaçar o vencedor.

Átila Abreu foi o terceiro colocado, à frente de Denis Navarro, Luciano Burti, Rubens Barrichello e Vitor Genz, que terminou em sétimo lugar após perder ritmo depois de largar da pole position. E a lista dos dez primeiros colocados foi completada por Julio Campos, Antonio Pizzonia e Marcos Gomes.

Após a disputa da etapa de Ribeirão Preto, o campeonato é liderado por Marcos Gomes, com 36 pontos, três a mais do que Cacá Bueno. A próxima prova, a etapa do Velopark, será realizada em 26 de abril.