• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Após revés em Miami, Nadal vence de virada e dá troco em Verdasco na Alemanha

  • COMPARTILHE
Esportes

Após revés em Miami, Nadal vence de virada e dá troco em Verdasco na Alemanha

Hamburgo - Surpreendido por Fernando Verdasco no Masters 1000 de Miami deste ano, o espanhol Rafael Nadal deu o troco no seu compatriota nesta terça-feira, na Alemanha, em sua estreia no Torneio de Hamburgo. O atual décimo colocado do ranking mundial venceu por 2 sets a 1, de virada, com parciais de 3/6, 6/1 e 6/1, no ATP 500 realizado em quadras de saibro.

Cabeça de chave número 1 da competição, Nadal assim avançou à segunda rodada e se credenciou para enfrentar agora o vencedor do confronto entre o checo Jiry Vesely e o austríaco Andreas Haider-Maurer, que também está programado para ser encerrado nesta terça.

Em má fase no circuito profissional e longe de exibir o tênis que um dia o fez virar o líder do ranking da ATP, Nadal não jogava desde o último dia 2, quando foi surpreendido pelo alemão Dustin Brown na segunda rodada de Wimbledon, Grand Slam no qual havia estreado com vitória sobre o brasileiro Thomaz Bellucci.

Essa foi, por sinal, a 14ª vitória de Nadal em 16 confrontos diante de Verdasco, que no final de março havia batido o seu compatriota, também por 2 sets a 1, na terceira rodada do Masters de Miami, em outro momento de instabilidade do ex-número 1 do mundo nesta temporada.

Desta vez, Nadal voltou a levar um susto ao ser derrotado por 6/3 no primeiro set do confronto diante de Verdasco. O atual 41º tenista do mundo chegou a ter o saque quebrado por uma vez na parcial, mas converteu os dois break points cedidos pelo favorito para abrir vantagem.

A partir do segundo set, porém, Nadal passou a atropelar Verdasco. Além de confirmar todos os seus serviços, aproveitou duas de quatro chances de ganhar games no serviço do adversário para fazer 6/1. E ele repetiu a dose na parcial derradeira ao converter três de seis break points e salvar os quatro break points cedidos ao seu compatriota.

OUTROS JOGOS - Além de Nadal, outros três cabeças de chave confirmaram favoritismo em jogos já encerrados nesta terça-feira foram o espanhol Roberto Bautista Agut, o italiano Andreas Seppi e o argentino Juan Monaco. Terceiro pré-classificado, Agut derrotou o croata Borna Coric por 2 sets a 0, com 6/3 e 6/4. Logo atrás na lista de favoritos, Seppi bateu Martin Klizan por 6/2 e 6/4, enquanto Monaco, sexto cabeça, superou o letão Ernests Gulbis por 2 sets a 1, com 6/3, 6/7 (5/7) e 6/3.

Já o espanhol Guillermo Garcia-Lopez, sétimo pré-classificado, acabou abandonando a partida que fazia com o seu compatriota Jaume Munar quando vencia o primeiro set por 2/1. Outro espanhol eliminado foi Daniel Gimeno-Traver, que caiu diante do britânico Aljaz Bedene por 6/4 e 6/1.

O francês Benoit Paire, por sua vez, manteve o embalo depois de ter se sagrado campeão do Torneio de Bastad, no último domingo, na Suécia, de forma surpreendente. Ele estreou em Hamburgo derrotando o alemão Philipp Kohlschreiber por 2 sets a 1, com 6/3, 3/6 e 6/1. Curiosamente, Paire poderá reencontrar na segunda rodada justamente o tenista a quem superou na final de Bastad, o espanhol Tommy Robredo, segundo cabeça de chave, que nesta terça estreia contra o alemão Alexander Zverev.