• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Réver exalta espírito do Flamengo, mas pede que eliminação 'sirva de lição'

  • COMPARTILHE
Esportes

Réver exalta espírito do Flamengo, mas pede que eliminação 'sirva de lição'

Capitão e um dos principais líderes do elenco do Flamengo, o zagueiro Réver cobrou que o elenco aprenda com a eliminação na Libertadores. Um dia depois da vitória por 1 a 0 sobre o Cruzeiro no Maracanã, que pouco serviu para o time carioca, o jogador afirmou que o resultado do confronto deve "servir de lição" para ele e seus companheiros.

"De lição, levamos que em mata-mata não podemos falhar em casa. No primeiro jogo, perdemos, falhamos e complicamos o planejamento para o segundo jogo. Mesmo assim, a equipe foi aguerrida, lutou de igual para igual, diante de um Cruzeiro um pouco amedrontado no jogo de ontem", considerou nesta quinta-feira, no desembarque da equipe no Rio.

Se a queda por 2 a 0 no primeiro jogo, no Maracanã, foi fatal para o Flamengo, o comportamento da equipe na partida de volta deixou Réver bastante satisfeito. "Que isso possa servir de lição para a Copa do Brasil e que possamos levar este espírito também para o Brasileirão."

Sobre a Copa do Brasil, aliás, o zagueiro previu confrontos bastante intensos diante do Corinthians pela semifinal. Afinal, as duas equipes caíram precocemente na Libertadores e terão de dar respostas às suas torcidas. "É um clássico que vai pegar fogo", considerou.

Na quarta, o companheiro de defesa de Réver foi o responsável por manter viva a esperança do Flamengo. No segundo tempo, Léo Duarte marcou o único gol da partida, insuficiente para dar a vaga ao time carioca. Como o colega, porém, ele exaltou a postura flamenguista e pediu que ela seja mantida no futuro.

"Temos a Copa do Brasil e Brasileiro, é bola para frente e buscar estes dois títulos. Saímos com a cabeça tranquila da partida de ontem, mas infelizmente não foi suficiente porque no jogo do Maracanã fomos muito abaixo", apontou. "Temos que ter a mesma postura que tivemos no jogo de ontem, de time que quer buscar título, ser campeão, que agride."