• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Luverdense impõe quinto tropeço seguido ao Ceará e segue sonhando com o G4

  • COMPARTILHE
Esportes

Luverdense impõe quinto tropeço seguido ao Ceará e segue sonhando com o G4

Fortaleza - O Ceará se complicou ainda mais na briga contra o rebaixamento. Nesta terça-feira, o clube cearense perdeu, em plena Arena Castelão, em Fortaleza, para o Luverdense pelo placar de 1 a 0, em partida válida pela 29.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, podendo assim ver a diferença em relação ao último clube fora do descenso - o Macaé - aumentar.

Com o resultado, o Ceará, que não vence há cinco jogos, fica na 17.ª colocação com os mesmos 26 pontos, a cinco do Macaé. O Luverdense, por sua vez, continua sonhando com o G4, a zona de acesso. Em franca ascensão, o clube do Mato Grosso é o 10.º colocado com 42 pontos, a cinco do Paysandu, o quarto.

O primeiro tempo foi de muitos erros de passes e poucas pretensões. O clube cearense iniciou a partida mais intenso, mas perdeu força e viu o adversário criar as melhores chances de perigo. Aos 39 minutos, Paulinho cruzou, Alípio pegou de primeira e Luis Carlos fez um milagre. Na sequência, Osman arriscou de entrada da área e mandou rente à trave. O goleiro do Ceará tirou com os olhos.

Na volta do intervalo, o técnico Marcelo Cabo foi obrigado a fazer duas mudanças no Ceará, além de mais uma por opção técnica. Thiago Carvalho e Mazola se contundiram e ficaram nos vestiários. As substituições deixaram o time perdido em campo, enquanto que o Luverdense se aproveitou e abriu o marcador. Aos 16 minutos, Diego Rosa fez fila na defesa adversária e tocou para Lucas Fernandes, que só teve o trabalho de empurrar para as redes.

O Ceará acordou após o gol e foi para cima do visitante. Aos 21 minutos, Rafael Costa recebeu dentro da área e cabeceou para o fundo das redes. O árbitro, porém, assinalou posição irregular do jogador e anulou o lance. Depois disso, só chegou em chutes de longa distância do meia Ricardinho, que encontrou um goleiro Edson inspirado.

Na próxima rodada, a 30.ª, o Luverdense recebe o Sampaio Corrêa na próxima terça-feira, às 21h30, no estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde (MT). O Ceará teve o jogo diante do Botafogo adiado - para não prejudicar o time carioca que teve jogadores convocados às seleções principal e olímpica -, e entrará em campo novamente apenas no dia 17 de outubro contra o Criciúma, no estádio Heriberto Hülse, em Criciúma (SC), pela 31.ª rodada. Vai ter tempo para melhorar.

FICHA TÉCNICA

CEARÁ 0 x 1 LUVERDENSE

CEARÁ - Luis Carlos; Guilherme Andrade, Charles, Thiago Carvalho (Wellington Carvalho) e Victor Luís; Baraka, Ricardo Conceição e Ricardinho; Alex Amado (Júlio César), Rafael Costa e Mazola (Fernandinho). Técnico: Marcelo Cabo.

LUVERDENSE - Edson; Raul Prata, Luiz Otávio, Everton e Paulinho; Muralha, Da Matta (Revson), Osman e Diego Rosa; Alípio (Calyson) e Lucas Fernandes (Assuério). Técnico: Junior Rocha.

GOL - Lucas Fernandes, aos 16 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Victor Luís e Guilherme Andrade (Ceará); Assuério e Diego Rosa (Luverdense).

ÁRBITRO - Vinícius Furlan (SP).

RENDA - R$ 63.718,00.

PÚBLICO - 11.416 pagantes.

LOCAL - Arena Castelão, em Fortaleza (CE).