• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Arrasado por Ceferin, Van Praag felicita novo líder da Uefa e admite pleito justo

  • COMPARTILHE
Esportes

Arrasado por Ceferin, Van Praag felicita novo líder da Uefa e admite pleito justo

Atenas - Arrasado por Aleksander Ceferin na eleição da Uefa nesta quarta-feira, em Atenas, Michael Van Praag exibiu classe ao comentar a vitória do seu único adversário no pleito que definiu o novo líder do futebol europeu. Rendido ao próprio fato de que o seu rival recebeu mais do que o triplo de votos (42 a 13) na disputa que contou com a participação de membros das 55 federações filiadas à Uefa, o holandês reconheceu que o triunfo do candidato da Eslovênia foi justo.

Embora Gianni Infantino, novo presidente da Fifa, tenha sido acusado de fazer campanha para eleger Ceferin com a sua influência também como ex-secretário-geral da Uefa, Praag ressaltou que ele próprio e o esloveno tinham o "mesmo objetivo" comum de implementar seus novos modelos propostos de governança para a entidade máxima do futebol europeu, que elegeu apenas o sétimo presidente de sua história de 62 anos.

"Ele queria implementá-los da sua maneira e eu da minha, e hoje falou a democracia", afirmou Van Praag logo após o resultado da eleição realizada na Grécia. "Perder nunca é divertido, mas a derrota é parte do esporte e é um fato que você precisa aceitar. Parabenizo o ganhador. Aleksander e eu temos os mesmos objetivos", ressaltou.

Derrotado de forma arrasadora na eleição da Uefa, Van Praag, de 68 anos, preside a Federação Holandesa de Futebol desde 2008. Já Ceferin tem apenas 49 anos e vinha ocupando a presidência da Federação Eslovena de Futebol desde 2011, sendo que agora terá de deixar o cargo em meio ao seu segundo mandato à frente do mesmo para assumir o posto máximo do futebol europeu.