• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Cheio de desfalques, Avaí encara Vitória em Salvador para respirar no Brasileiro

Esportes

Cheio de desfalques, Avaí encara Vitória em Salvador para respirar no Brasileiro

Sem poder contar com as principais referências da equipe, o técnico Claudinei Oliveira resolveu dar uma oportunidade para alguns atletas. A equipe avaiana ocupa a 19ª posição no campeonato

Florianópolis - O Avaí enfrenta o Vitória, neste sábado, às 19h, no Estádio Barradão, na capital baiana, em duelo direto contra o rebaixamento, com uma série de desfalques. Após perder os meio-campistas Judson e Juan por suspensão, o técnico Claudinei Oliveira teve uma baixa de última hora nesta sexta-feira. O atacante Joel foi diagnosticado com uma lesão de grau um na coxa direita e acabou sendo vetado pelo departamento médico.

Sem poder contar com sua principal referência no setor ofensivo, Claudinei Oliveira resolveu dar uma oportunidade para Willians, ex-Palmeiras, entre os titulares. Ele formará o trio ofensivo com Júnior Dutra e Romulo, que volta ao time para a vaga de Juan. No meio, a novidade fica por conta de Luan, que afirmou, em entrevista coletiva, que o grupo está fechado com o treinador, apesar da campanha ruim, com 18 pontos, em penúltimo lugar.

"O Claudinei tem total confiança do grupo e estamos unidos para tirar o Avaí da zona de rebaixamento. Temos dois jogos em casa depois de enfrentar o Vitória, então temos que jogar com inteligência para somar os pontos necessários para sair dessa situação. Quero aproveitar essa chance e deixar o meu melhor dentro de campo", afirmou Luan, um dos líderes do elenco.

Uma das contratações mais badaladas do clube, o lateral Maicon, ex-seleção brasileira, novamente deve ficar entre os reservas. A comissão técnica considera que o jogador está abaixo dos demais da posição e, por isso, não vem ganhando uma oportunidade entre os 11. Leandro Silva tem sido bancado por Claudinei, sob vários protestos.

O Avaí, que não vence há três rodadas, empatou na última rodada do primeiro turno com o Santos, por 0 a 0, na Ressacada. O time está em situação delicada no Brasileirão, no qual se vê quatro pontos atrás da Chapecoense, primeiro time fora da zona de rebaixamento.