• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Morrem 23 em ataque a aeroporto no Paquistão

Geral

Morrem 23 em ataque a aeroporto no Paquistão

Karachi - Morreram ao menos 23 pessoas no ataque ao Aeroporto Internacional de Quaid-e-Azam, em Karachi, Paquistão, informaram funcionários do governo. Ao mesmo tempo, em outro lugar, atiradores e homens-bomba atacaram peregrinos da minoria xiita e deixaram ao menos outros 23 mortos.

Nenhum grupo assumiu a responsabilidade, mas as duas ações trazem as marcas do Taleban, que frequentemente tem como alvo instalações de grande importância e xiitas.

No aeroporto, o ataque começou por volta das 22h20, do horário local, e durou cerca de seis horas, com trocas de tiros e explosões. O ministro-chefe da província, Qaim Ali Shah, informou que 13 funcionários do aeroporto e da segurança foram mortos. As demais vítimas são de militantes que participaram do ataque.

Raja Umar Khattab, chefe da unidade de contraterrorismo da polícia de Karachi, disse que por volta das 4h30, do horário local, a situação estava sob controle. Ele disse que os militantes planejavam cercar parte do aeroporto e fazer reféns. "Eles não alcançaram os objetivos estratégicos. Nós conseguimos controlar o que poderia ter sido uma situação muito maior", afirmou.

Segundo testemunhas, vários homens mascarados começaram o ataque com granadas e armas automáticas no Terminal Um. "Eles atacaram os seguranças do aeroporto e então entraram", informou uma testemunha. Imagens da TV mostravam fumaça saindo do aeroporto e fogo próximo à uma aeronave estacionada próxima ao Terminal Um. O aeroporto de Karachi é um dos mais movimentados do Paquistão e utilizado por companhias aéreas como Emirates, Thai Airways e Turkish Airlines.

"Todos os passageiros no aeroporto estão seguros. Nenhum avião envolvido nas operações de voo foi danificado", disse . Abid Kaimkhani, porta-voz da Autoridade de Aviação Civil do país, explicando que os aviões mostrados na televisão não eram aeronaves operacionais.

Karachi, uma grande metrópole, tem sido palco de vários ataques nos meses recentes, que têm matado civis e forças de segurança. Muitas partes da cidade estão sob o controle do Taleban. Um acordo de cessar fogo entre o Taleban e o governo expirou em abril, após tentativas de um acordo de paz terem fracassado. Fonte: Dow Jones Newswires.