• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Mãe de presidiários usa nome dos filhos para tentar evitar assalto na Serra

  • COMPARTILHE
Polícia

Mãe de presidiários usa nome dos filhos para tentar evitar assalto na Serra

Com medo dos filhos da vítima, os suspeitos de assalto fugiram, mas um deles acabou levando a motocicleta da mulher. O crime aconteceu em Jacaraípe

Imagens de videomonitoramento flagraram toda a ação dos criminosos Foto: TV Vitória

Uma mulher usou o nome dos filhos presidiários para tentar evitar um assalto em Jacaraípe, na Serra. Ela foi surpreendida por dois homens em uma moto. Um deles ainda conseguiu levar a motocicleta em que ele estava, mas o outro fugiu assim que descobriu de quem a vítima era mãe.

Imagens de videomonitoramento flagraram toda a ação dos criminosos. A técnica de enfermagem foi cercada pelos dois assaltantes ao chegar em um condomínio. “Eles chegaram e anunciaram o assalto, mas eu achei que era brincadeira. Quando olhei para um deles, ele disse que era verdade e me mandou sair da moto. Eu disse que não ia sair. Aí nós começamos a brigar. Eu reconheci um deles e falei o nome dos meus filhos, por isso um deles fugiu”, contou a vítima.

Os filhos dela têm 21 e 23 anos. O mais novo está preso por roubo e divide a cela com o irmão, preso por homicídio. “A dor é muito grande. Eu não aceito isso, pois não criei meus filhos para eles estarem onde estão. E agora passei pela mesma situação que outras pessoas já passaram”, afirmou.

Os rapazes são fruto de um casamento desfeito há 17 anos. A mulher diz que foram sete anos de agressões do marido, na frente dos filhos. Diagnosticada com um quadro de depressão profunda, a técnica de enfermagem disse que tentou ajuda da polícia para recuperar a moto levada pelos criminosos, mas não conseguiu.

A Secretaria Estadual de Segurança informou, por meio de nota, que o Ciodes 190 recebeu a ligação da vítima e que uma viatura foi enviada, mas não a encontrou no local combinado. Outras viaturas também fizeram buscas na região para encontrar os suspeitos. A Sesp também disse que os policiais ligaram para a irmã dela, que informou que ela estava a caminho de uma Delegacia Regional para registrar o roubo da moto.