• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Aposentado tem cartão de crédito trocado por golpistas e perde R$ 1,5 mil em Vila Velha

  • COMPARTILHE
Polícia

Aposentado tem cartão de crédito trocado por golpistas e perde R$ 1,5 mil em Vila Velha

Crime aconteceu no momento em que a vítima tentava sacar o dinheiro em uma agência bancária da Glória. Um dos suspeitos foi preso nesta sexta tentando aplicar outro golpe

Vítima teve o cartão trocado no momento em que consultava o saldo de sua conta no caixa eletrônico Foto: TV Vitória

Um aposentado de 58 anos teve o cartão trocado por dois homens, dentro de uma agência bancária da Glória, em Vila Velha, e perdeu R$ 1,5 mil. O caso aconteceu na manhã de quinta-feira (07). Nesta sexta (08), um dos suspeitos foi detido tentando aplicar um novo golpe, em outra agência bancária do bairro. Segundo a polícia, ele faz parte de uma quadrilha de estelionatários de São Paulo.

O aposentado que teve o dinheiro roubado conta que havia acabado de receber o salário e que foi até o caixa de uma agência bancária para retirar dinheiro. No entanto, quando se deu conta, o cartão que estava com ele era de outra pessoa e R$ 1,5 mil haviam sumido de sua conta. "Percebi lá dentro, quando eu fui no caixa central. Eu ia fazer o pagamento do boleto bancário e ia pegar o dinheiro para fazer compras", lamentou.

Minutos antes, o aposentado havia passado no caixa eletrônico para consultar o saldo da conta. Dois homens estavam no caixa ao lado. Assim que ele digitou a contra-senha, foi distraído por um dos suspeitos e os cartões foram trocados. 

A ação foi tão rápida que a vítima sequer percebeu. "Não percebi, foi muito rápido! É tudo 'mão leve'", disse.

O suspeito preso nesta sexta-feira havia ido a uma agência bancária fazer a retirada de talões de cheque. No entanto, o comportamento dele chamou a atenção de funcionários, que acionaram a polícia. O suspeito foi reconhecido pelo aposentado e encaminhado para a Delegacia Regional de Vila Velha. 

Ainda sem saber como vai pagar as contas, a vítima pede mais segurança nos bancos. "Quando a gente entra numa área bancária, não tem segurança dentro do banco, nos caixas eletrônicos. E é aí que o pessoal faz a festa", reclamou.