• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Assaltos ao comércio em Cachoeiro têm queda de 37% no primeiro semestre

  • COMPARTILHE
Polícia

Assaltos ao comércio em Cachoeiro têm queda de 37% no primeiro semestre

Em alguns municípios a queda foi de mais de 60%, como é o caso de Mimoso do Sul (67%), Castelo (82%) e Muqui, que até o momento não registrou nenhuma ocorrência dessa natureza

Ação policial promoveu a queda de quase 40% do número de roubos a lojas no Sul do ES Foto: Divulgação/PM

O número de roubos ao comércio de Cachoeiro de Itapemirim e região, registrados pela Polícia Militar nos seis primeiros meses deste, ano caiu 37% em relação ao mesmo período do ano passado.

Em 2015, o Batalhão da PM que atua na área registrou 197 ocorrências; no mesmo período de 2016 este tipo de crime caiu para um total de 124 registros. Este número é a soma do levantamento realizado nas seis cidades da região Sul do Espírito Santo – Cachoeiro, Castelo, Atílio Vivacqua, Muqui, Mimoso do Sul e Vargem Alta.

A partir de uma análise isolada, em alguns municípios a queda foi de mais de 60%, como é o caso de Mimoso do Sul (67%), Castelo (82%) e Muqui (100%), este último que até o momento não registrou nenhuma ocorrência dessa natureza. Em Cachoeiro de Itapemirim, onde a incidência de roubos ao comércio é maior, a redução foi de 30%.

De acordo com o comandante da 1ª Companhia, Tenente Rodrigo Cipriano Carvalho, a redução nos índices é significativa, e um dos fatores que pode ter contribuído para esse resultado é o trabalho preventivo e repressivo da tropa realizado diuturnamente.

“Objetivamos fazer do meio comercial um meio mais seguro, sobretudo se tratando de Cachoeiro, a cidade coração do Sul do estado, a qual, além de ser o município sul capixaba mais populoso, recebe grande fluxo de pessoas e de capital em suas áreas comerciais”, destacou.

Outro dado positivo é o número de visitas tranquilizadoras realizadas: aproximadamente 5,2 mil nos seis municípios. Somente em Cachoeiro, mais de 3,7 mil foram contabilizadas. Além desse empenho, a Polícia Militar têm promovido reuniões constantes com os comerciantes e representantes das comunidades para aprofundar a interação com a sociedade, além de ouvir suas demandas e sugestões.

Outro canal de interação que tem sido uma ferramenta importante na prevenção de furtos e roubos na área comercial é a utilização do aplicativo Whats App. Um grupo foi criado no segundo semestre do ano passado com o intuito de promover a troca de informações entre comerciantes e a Polícia Militar. Desde então, o índice de assaltos a estabelecimentos comerciais tem caído constantemente.