• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Após ser criticado, Campos defende atuação da PM-PE

  • COMPARTILHE
Política

Após ser criticado, Campos defende atuação da PM-PE

São Paulo - Após publicar e apagar foto em que estava dentro de um jatinho, ao mesmo tempo em que ocorre uma greve da Polícia Militar em Pernambuco, e ser criticado por seguidores em rede social, o pré-candidato e ex-governador Eduardo Campos (PSB) afirmou nesta quinta-feira que a atuação do Estado foi determinante para redução da violência nos últimos anos. "O povo de Pernambuco sabe dos esforços que realizamos para garantir a melhoria da segurança pública no nosso Estado", declarou, em nota.

O ex-governador afirmou que segue em contato com seu sucessor, João Lyra (PSB), a fim de viabilizar uma solução para o impasse. "Tenho mantido contato permanente com o governador João Lyra e acompanho o desenrolar das negociações. A hora agora é de bom senso, de lutarmos juntos por melhores salários, sem contudo deixar a sociedade pernambucana no medo e na insegurança."

Campos defendeu que o Projeto Pacto pela Vida contribuiu para redução dos índices de violência por sete anos consecutivos. "Isso só foi possível graças a uma forte presença social do Estado em localidades de alto índice de violência, mas também com grandes investimentos na nossa polícia, tanto em equipamentos quanto nos homens e mulheres que compõem a corporação." De acordo com o ex-governador, foram nomeados 9 mil concursados e o salário terá reajuste de 14,55% no mês de junho.

Mais cedo, o pré-candidato recebeu críticas de seguidores em redes sociais após postar fotografia em que estava no interior de um jatinho enquanto a PM do Estado estava em greve. "Pernambuco pegando fogo e o sr. nem aí..." foi um dos comentários do retrato em que aparece ao lado da mulher, Renata, e o filho Miguel, de 4 meses, com a legenda "São Paulo, lá vamos nós!". A imagem foi tirada do ar logo depois.