• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Substituição de alimentos para ceia saudável e menos calórica

  • COMPARTILHE
Saúde

Substituição de alimentos para ceia saudável e menos calórica

Exageros alimentares podem comprometer a saúde e são responsáveis pelo ganho de peso

Larissa Agnez

Redação Folha Vitória
Foto: Divulgação

As festas de fim de ano se aproximam. As comidas típicas na época, como farofa, peru assado e panetone podem comprometer a rotina saudável e serem responsáveis pelo ganho de peso, quando consumidas exageradamente. O que muita gente não sabe é que é possível fazer uma boa ceia com alimentos menos calóricos e benéficos para a saúde, não sendo necessário cortar todos os itens da ceia tradicional. 

O médico, Wesley Schunk explica sobre a importância das substituições. “Uma boa dica é introduzir legumes e ervas ao arroz integral, garantindo qualidade e diversidade nas preparações, as carnes magras assadas também são uma boa opção, como o peru e o chester que são carnes saborosas e uma boa fonte de proteína”. 

As frutas e hortaliças frescas e orgânicas também são alimentos que podem ser bastante usados. “As saladas bem caprichadas, podem estar presentes sempre a mesa, pois aumentam a sensação de saciedade e desaceleram o ritmo da alimentação, as frutas naturais também é uma boa opção, pois são menos calóricas e fonte de vitaminas, minerais e compostos bioativos. A água de coco também pode complementar a ceia”, listou Schunk.

As oleaginosas assim como as nozes, amêndoas e avelãs são excelentes fontes de proteínas e minerais, que podem ser usado em diversos pratos da ceia ou até fazer um mix de cereais. “Esses alimentos contêm alta densidade de nutrientes e de substâncias bioativas que potencializam seus efeitos benéficos à saúde”, diz o médico.

Para os que não abrem mão da sobremesa nas ceias de fim de ano, podem optar, por exemplo, por compota com frutas frescas e secas e chocolate amargo. O médico destaca ainda a importância de se manter uma alimentação saudável por todo o ano e que, mesmo se cometer alguns excessos no fim do ano é possível voltar a rotina, desde que se adote uma conduta de boa alimentação, tendo foco e disciplina.

“O que importa é a qualidade dos alimentos e seus benefícios para a saúde e não a quantidade servida, por isso, fique atento a quantidade de comida que vai ingerir e cuidado para não exagerar nas gorduras e açucares. Os que excederam um pouco mais nas festas de fim de ano podem adotar algumas medidas nos dias seguintes a ceia, como: beber bastante água, fazer exercícios, ingerir chás feitos com ervas, fazer refeições leves e com bastante legumes e verduras, não tomar bebidas alcoólicas, não comer doces, alimentos gordurosos, açúcar refinado e adoçantes artificiais", finalizou Wesley Schunk.