Policial civil é baleado em tiroteio durante investigação na Serra

O policial estava investigando o caso da morte de um cabeleireiro ocorrida em Manguinhos e, ao chegar no bairro Novo Horizonte, foi atingido por tiros

 Versão para impressão  
Local onde o policial civil foi baleado
Foto: Leitor | WhatsApp Folha Vitória

Um investigador da Delegacia Patrimonial foi baleado na tarde desta segunda-feira (20), durante uma operação policial realizada no bairro Novo Horizonte, na Serra. O policial civil Roberto Avelino foi socorrido e encaminhado ao hospital Jayme Santos Neves, na Serra, onde continua internado.

De acordo com Aloísio Fajardo, diretor do Sindicato dos Policiais Civis do Espírito Santo (Sindipol), o investigador foi atingido no peito quando fazia investigações com um parceiro no bairro Novo Horizonte. Eles investigavam o caso do assassinato do cabeleireiro Wamevo Santos Cardoso, de 31 anos,  em Manguinhos, na Serra, na última quarta-feira (15).

Fajardo informou que os investigadores chegaram na rua Rouxinol e, antes de descerem da viatura, um suspeito fez dois disparos. Um deles atingiu Roberto Avelino. 

Ainda segundo o diretor do Sindipol, Avelino teve duas paradas cardíacas, mas foi reanimado, já passou por uma cirurgia e terá que fazer outra operação. Familiares do policial civil acompanham a situação no hospital. 

Por nota, a Secretaria de Estado da Segurança Pública (Sesp), informou que o policial civil está hospitalizado e que o estado de saúde dele é grave. O secretário André Garcia e o chefe da Polícia Civil, Guilherme Daré acompanham o caso. 

TAGs

  • assassinato
  • investigador
  • novo horizonte
  • serra
  • tentativa de homicídio
 Versão para impressão  

MAIS LIDAS

Jornal Folha Vitória
Todos os direitos reservados © 2007-2016